22 de Dezembro de 2009 / às 17:28 / 8 anos atrás

Net pode ter mais 1,8 mi clientes com Internet popular

Por Cesar Bianconi

SÃO PAULO, 22 de dezembro (Reuters) - A Net estima de 1,5 milhão a 1,8 milhão clientes potenciais para seu novo serviço de Internet rápida popular com mensalidade de 29,80 reais, fruto de uma parceria com o governo de São Paulo.

A empresa iniciará na quarta-feira a venda do produto com velocidade de 200 quilobits por segundo (Kbps) e taxa de instalação e modem gratuitos com período mínimo de contratação de 12 meses.

“É uma oportunidade da Net colocar seus produtos para uma camada menos favorecida da população”, disse a jornalistas o presidente da Net, José Felix, em solenidade na Secretaria da Fazenda de São Paulo na manhã desta terça-feira.

O novo serviço da Net está enquadrado no Programa Banda Larga Popular do governo paulista. O Estado está abrindo mão do ICMS cobrado sobre o serviço de banda larga, que é de 25 por cento, no âmbito do programa.

O plano foi lançado em outubro, tendo a Telefônica como primeira parceira anunciada, com o intuito de universalizar o acesso rápido à Web no Estado. O serviço da Telefônica, porém, ainda não está disponível.

“(A Net) é a primeira adesão de fato ao Programa Banda Larga Popular”, disse o secretário da Fazenda paulista, Mauro Ricardo Machado Costa. “A Telefônica entendeu que poderia oferecer serviços apenas para seus clientes. Esse não é o entendimento da Net. Não pode fazer vinculação dessa natureza. A Telefônica precisa ter o produto disponível para clientes e não clientes”, afirmou o secretário.

Segundo ele, a expectativa é que em janeiro a Telefônica tenha seu produto de banda larga popular disponível.

Em nota à imprensa, a Telefônica informou que “prossegue trabalhando para viabilizar, no menor prazo possível, o lançamento do produto com as características estabelecidas pelo decreto” paulista que cria a banda larga popular.

“Entre as alternativas em estudo pela Telefônica para atender aos usuários que não são clientes da empresa, está a oferta de banda larga por meio das tecnologias WiFi e WiMesh, que fazem a conexão sem fio à Internet”, conforme a empresa.

MERCADO POTENCIAL

O governo paulista calcula que um total de 2,5 milhões de residências no Estado sejam alvo do programa. Desse universo, cerca de 1,8 milhão são casas com computadores e conexão discada e perto de 700 mil com PCs sem Internet.

A Net oferecerá o serviço de banda larga popular nos 48 municípios em que atua no Estado.

“Estamos nas maiores cidades do Estado de São Paulo... Eu diria que algo como 1,8 milhão (de clientes potenciais) é possível de se esperar. Talvez 1,5 milhão de usuários”, afirmou o presidente da Net.

O executivo disse ainda não acreditar na canibalização de produtos mais caros da Net com o lançamento do serviço.

A aposta da Net é que os novos clientes que iniciarem com uma conexão de 200 Kbps aos poucos migrem para opções de velocidade maior de transmissão de dados, podendo ainda assinar TV paga e telefone junto à empresa.

PACOTE COMBINADO

A Net já oferece um plano que inclui Internet com velocidade de 100 Kbps, canais abertos e públicos de TV e telefone fixo por 39,90 reais mensais. No caso do telefone, as ligações para números da Net são gratuitas e as demais cobradas à parte.

Segundo Félix, esses pacotes no Estado de São Paulo terão automaticamente a conexão de Internet elevada para 200 Kbps, para manter o produto competitivo.

Depois da banda larga de 200 Kbps a 29,80 reais, a primeira opção dentro dos planos do serviço oferecidos pela Net é a velocidade de 1 megabit, com mensalidade de 50 reais.

Às 15h57, as ações da Net exibiam alta de 0,81 por cento, cotadas a 23,69 reais. No mesmo horário, o Ibovespa tinha alta de 1,74 por cento.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below