July 29, 2010 / 9:05 PM / in 8 years

Lucro da Oi é recorde no semestre com sinergias da BrT

Por Cesar Bianconi

SÃO PAULO (Reuters) - A Oi divulgou nesta quinta-feira lucro recorde no primeiro semestre de 940 milhões de reais, impulsionado por sinergias de 600 milhões de reais obtidas no período com a Brasil Telecom, revertendo prejuízo de janeiro a junho de 2009.

A Oi —que na quarta-feira anunciou acordo para uma aliança com a Portugal Telecom que prevê posições acionárias cruzadas— teve lucro líquido apenas no segundo trimestre de 444 milhões de reais, comparado a prejuízo de 146 milhões de reais um ano antes e acima dos 396 milhões de reais previstos por analistas, segundo pesquisa Reuters.

A empresa teve receita líquida de 7,4 bilhões de reais no segundo trimestre e de 14,9 bilhões de reais de janeiro a junho, altas de 1,3 e de 0,4 por cento, respectivamente.

O Ebitda —sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação— foi de 2,7 bilhões de reais de abril a junho, ante 2,4 bilhões de reais no mesmo período de 2009. A margem Ebitda trimestral subiu para 36,2 por cento. No semestre, a geração de caixa somou 5,2 bilhões de reais.

O grupo —com pesado endividamento decorrente da aquisição da Brasil Telecom em 2008— terminou junho com dívida líquida de quase 21 bilhões de reais, ou 2,1 vezes sua geração de caixa anualizada.

Na quarta-feira, a Portugal Telecom anunciou que pagará até 8,44 bilhões de reais para ter uma participação minoritária de 22,4 por cento ma Telemar Norte Leste, braço operacional do grupo Oi.

A operação de entrada da Portugal Telecom na Oi prevê dois aumentos de capital de 12 bilhões de reais cada em companhias do grupo brasileiro, a Telemar Norte Leste e a Tele Norte Leste. Os recursos devem ser usados, principalmente, para reduzir a alavancagem da Oi.

“Não conto com ovo antes da galinha. Enquanto não entrar esse dinheiro, vamos continuar com nosso processo de amortização de dívida como tinha orçado”, afirmou a jornalistas o diretor financeiro da Oi, Alex Zornig, mencionando previsão de alcançar relação entre dívida líquida e geração de caixa de 1,7 vez em 2012, sem considerar Portugal Telecom.

MAIS CLIENTES

A Oi terminou junho com 20,8 milhões de linhas de telefonia fixa em serviço, queda de 4,6 por cento em 12 meses. Em banda larga, o total de clientes chegou a 4,3 milhões no meio do ano, avanço de 5,9 por cento.

Em telefonia móvel eram 37,2 milhões de assinantes no fim de junho, alta de 9,7 por cento —abaixo do crescimento do mercado de quase 16 por cento. “Não nos preocupa perder market share enquanto temos essa estratégia rentabilizar a base”, disse Zornig. De fato, a Oi teve alta anual de 6,7 por cento na receita média mensal por usuário de celular, conhecida como Arpu, para 22,4 reais.

Em termos percentuais, o maior crescimento foi na base de clientes de TV paga. A Oi encerrou junho com 265 mil assinantes, mais de quatro vezes o total de um ano antes. A meta, revelou Zornig, é chegar a 800 mil no final de 2011.

INVESTIMENTOS

Após investimentos de 818 milhões de reais até junho, a Oi mantém a previsão de atingir perto de 4 bilhões de reais no acumulado de 2010.

Segundo Zornig, as áreas prioritárias continuam a ser banda larga, 3G “nos municípios que deem retorno” e conclusão da infraestrutura móvel no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina.

O executivo minimizou o valor absoluto dos investimentos, ao destacar o aumento do poder de barganha do grupo após a compra da Brasil Telecom e devido à agressividade de fornecedores chineses de equipamentos.

Como exemplo, o diretor da Oi citou o investimento que será feito pela empresa na rede móvel para banda larga nas cidades de Ribeirão Preto e Presidente Prudente, interior de São Paulo. “Estamos pagando 52 por cento menos do que pagaríamos 1 ano atrás”, disse, sem citar valores. Segundo ele, os fornecedores, nesse caso, são a chinesa Huawei e a finlandesa Nokia.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below