22 de Fevereiro de 2011 / às 18:21 / 6 anos atrás

Lançamento do novo iPad da Apple acontecerá no prazo, diz fonte

Por Gabriel Madway e Sinead Carew

SAN FRANCISCO/NOVA YORK (Reuters) - A Apple deve cumprir o prazo para o aguardado lançamento da nova versão de seu computador tablet iPad, a despeito de um relatório de uma corretora de Taiwan quanto a possíveis atrasos.

Uma pessoa que conhece a situação disse que a especulação quanto a um adiamento para junho "simplesmente não é verdade", e que a Apple está planejando um lançamento que acompanhe a chegada sazonal do primeiro iPad, lançado em abril de 2010.

As ações da Apple caíram 2,7 por cento depois que uma corretora disse que a nova versão do tablet iPad sofreria atrasos porque a Hon Hai, responsável pela montagem do aparelho, está enfrentando gargalos de produção devido às mudanças de design no novo produto.

A especulação quanto às datas de lançamento dos novos produtos da Apple surgiu em meio a novos rumores sobre problemas de saúde do presidente-executivo da empresa, Steve Jobs, o que obscurece as percepções quanto à capacidade da companhia para manter em longo prazo sua posição de liderança tecnológica mundial.

Tim Cook, vice-presidente de operações da Apple, deve subir ao palco na assembleia anual de acionistas, quarta-feira, substituindo Jobs, que passou por um transplante de fígado em 2009 e na metade de janeiro iniciou sua terceira licença médica em sete anos.

A corretora Yuanta Securities, de Taiwan, havia informado em relatório que a nova versão do iPad chegaria dois meses mais tarde no ano que a primeira versão, lançada em abril de 2010.

"Nossa verificação sugere que novos problemas foram encontrados no novo processo de produção, e que resolvê-los está demorando", escreveu Vincent Chen, diretor de pesquisa de ações de tecnologia da corretora, em nota divulgada na terça-feira.

De acordo com o relatório, os fornecedores de componentes tiveram de mudar processos de produção depois que a Apple realizou mudanças de design no iPad2, no início de fevereiro.

A Hon Hai e a Apple se recusaram a comentar sobre a nota.

Tavis McCourt, analista da Morgan Keenan, disse que os investidores haviam reagido com exagero à nota, e afirmou que mesmo que um atraso prejudique as vendas no segundo trimestre, não mudaria sua projeção de vendas anuais de 27 milhões de iPads.

"Meu palpite é que, caso haja atraso, será porque estão incluindo novos recursos, e isso pode justificar um atraso de dois meses", disse.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below