for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
marketsNews

Mercados europeus caem, após resultado do HSBC e continuidade de tensões comerciais

LONDRES (Reuters) - Os mercados de ações europeus recuaram nesta segunda-feira, marcados pela cautela, com os resultados do maior banco europeu HSBC decepcionando os investidores e dúvidas sobre uma parceria de 87 bilhões de dólares com a Praxair atingindo as ações do grupo alemão de gases industriais Linde.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,2 por cento, a 1.521 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,13 por cento, a 389 pontos.

As quedas no HSBC e no Banco BPM após a divulgação de seus resultados arrastaram o setor bancário para baixo, enquanto as ações de produtos químicos e industriais também pesavam sobre o STOXX 600.

Em geral, os bancos da Europa tiveram bom desempenho na temporada de divulgação de resultados do segundo trimestre, com crescimento mais forte do que o esperado em lucros e rentabilidade.

A ação da Linde caiu cerca de 7,5 por cento, depois de informar que reguladores podem pedir a ela e a rival norte-americana Praxair que vendam mais ativos para obter aprovação antitruste para sua fusão.

A Linde puxou o índice do setor de produtos químicos para baixo, que fechou em queda de 1 por cento

O índice FTSEurofirst 300 fechou em queda de 0,20 por cento, a 1.520 pontos.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,06 por cento, a 7.663 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,14 por cento, a 12.598.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,03 por cento, a 5.477 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,03 por cento, a 21.580 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,18 por cento, a 9.722 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,32 por cento, a 5.611 pontos.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up