December 14, 2018 / 5:51 PM / 4 months ago

Índices se encaminham para pior trimestre desde 2011

LONDRES (Reuters) - Os mercados acionários europeus fecharam em queda pelo segundo dia nesta sexta-feira, conforme dados chineses e europeus renovaram preocupações sobre o crescimento global e deixaram o índice pan-europeu a caminho de seu pior trimestre desde 2011.

O índice de ações da zona do euro STOXX 600 terminou o dia em queda de 0,72 por cento e a caminho de uma perda de 9,5 por cento no trimestre.

Na abertura, os índices de Wall Street apresentaram uma forte queda com a preocupação sobre crescimento contribuindo com o nervosismo sobre as negociações comerciais EUA-China.

Uma cúpula em Bruxelas onde líderes da União Europeia disseram à primeira-ministra Theresa May que eles não renegociariam o acordo para o Brexit não ajudou a melhorar o humor.

A libra caía 0,75 por cento e as blue chips e midcaps do Reino Unido perdiam 0,65 por cento e 0,86 por cento, respectivamente.

O índice FTSEurofirst 300 fechou em queda de 0,62 por cento, a 1.371 pontos.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,47 por cento, a 6.845 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,54 por cento, a 10.865 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,88 por cento, a 4.853 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,72 por cento, a 18.910 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,45 por cento, a 8.886 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,41 por cento, a 4.803 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below