November 11, 2019 / 8:47 PM / a month ago

Co-fundador da Uber vende 21% de sua participação na empresa após fim de restrição

Fundador e ex-presidente da Uber, Travis Kalanick. 16/1/2016. REUTERS/Adnan Abidi

BANGALORE, Índia (Reuters) - O co-fundador e ex-presidente da Uber, Travis Kalanick, vendeu quase 21% de sua participação na Uber após o fim do período de restrição para negócios com as ações da empresa, segundo documentos enviados ao regulador do mercado acionário dos Estados Unidos.

Kalanick vendeu mais de 20 milhões de ações, avaliadas em quase 547 milhões de dólares, segundo os documentos. Ele ainda detém cerca de 75,4 milhões de ações da Uber, avaliadas em mais de 2 bilhões de dólares, com base no preço de fechamento da sexta-feira.

As ações da Uber atingiram mínima recorde de 25,58 dólares na quarta-feira passada, quando restrições para a venda dos papéis foram levantadas.

Nesta segunda-feira, as ações da Uber exibiam alta de 0,3%, a 27,10 dólares. Os papéis acumulam desvalorização de cerca de 41% desde o IPO da empresa em maio.

Por Akanksha Rana

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below