September 4, 2018 / 9:22 PM / in 3 months

Facebook e Nike pressionam índices em Wall Street; temores comerciais persistem

Operador trabalha na New York Stock Exchange (NYSE) em Nova York, EUA 31/08/2018 REUTERS/Brendan McDermid

NOVA YORK (Reuters) - Os mercados acionários dos Estados Unidos recuaram nesta terça-feira, com retorno de preocupações comerciais e com ações do Facebook e Nike em queda pesando sobre os principais índices, embora dados mostrando que a atividade industrial norte-americana acelerou em agosto tenha limitado as perdas.

O índice Dow Jones caiu 0,05 por cento, a 25.952 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,165431 por cento, a 2.897 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 0,23 por cento, a 8.091 pontos.

As ações do Facebook caíram 2,6 por cento depois que a corretora MoffettNathanson rebaixou a empresa de mídia social, alertando para a desaceleração do crescimento da receita.

As ações de outras empresas de tecnologia, incluindo Alphabet, Microsoft e Twitter também recuaram, enquanto o índice de tecnologia do S&P perdeu 0,3 por cento.

Os papéis da Nike caíram 3,2 por cento com a empresa enfrentando uma reação após escolher Colin Kaepernick, o primeiro jogador da NFL a se ajoelhar durante o hino nacional norte-americano como protesto contra o racismo, para participar de uma nova campanha publicitária.

Preocupações sobre o comércio, incluindo as conversas entre os Estados Unidos e o Canadá para renegociar o Acordo de Livre Comércio da América do Norte (Nafta), também pressionaram, disseram investidores.

“As preocupações com a guerra comercial continuam”, disse Stephen Massocca, vice-presidente sênior da Wedbush Securities. “O fato de não termos conseguido chegar a um acordo com o Canadá deixou pessoas preocupadas.”

As negociações entre EUA e Canadá devem ser retomadas na quarta-feira, depois que os dois partidos encerraram suas conversas na sexta-feira sem um acordo.

A Amazon resistiu ao sentimento negativo. A varejista online tocou momentaneamente 1 trilhão de dólares em valor de mercado, juntando-se à Apple como as duas únicas empresas listadas nos EUA a alcançarem essa marca, depois que suas ações subiram 1,9 por cento a 2.050,50 dólares. A Amazon encerrou a sessão com alta de 1,3 por cento, a 2.039,51 dólares.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below