September 11, 2018 / 2:05 PM / 14 days ago

DIs sobem com cenário eleitoral no Brasil após Datafolha

SÃO PAULO (Reuters) - As taxas dos contratos futuros de juros subiam nesta terça-feira depois de o mercado avaliar que a pesquisa Datafolha de intenção de votos mostrou força da esquerda na disputa presidencial.

Moedas de um real em foto ilustrativa 15/10/2010 REUTERS/Bruno Domingos

“O mercado local abriu com considerável mau humor, em sinal de esvaziamento do bom humor observado ao fim da última semana, quando especulou-se que candidatos de centro-direita se fortaleceriam (após o ataque a Bolsonaro)”, disse a corretora H.Commcor em relatório.

O levantamento divulgado na véspera mostrou Ciro Gomes (PDT) com 13 por cento, de 10 por cento antes, enquanto Fernando Haddad, que deve ser confirmado nesta tarde candidato do PT no lugar de Luiz Inácio Lula da Silva, avançou a 9 por cento, de 4 por cento antes.

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, segue na liderança com 24 por cento das intenções de voto, de 22 por cento antes, enquanto Geraldo Alckmin (PSDB), o que mais agrada ao mercado, chegou a 10 por cento, apenas um ponto percentual acima do último levantamento.

Após Bolsonaro sofrer ataque a faca durante ato de campanha em Minas Gerais na semana passada, o mercado acreditava que esse acontecimento poderia enfraquecer a esquerda, cujos candidatos vê como menos cuidadosos com as contas públicas.

“Pelas pesquisas, a ida de candidato da esquerda com Bolsonaro é o cenário mais provável neste momento e, neste caso, a maior aposta é em Haddad. O problema é que Bolsonaro perde para todos os candidatos no segundo turno, fato que dá o tom pessimista nos ativos brasileiros hoje”, apontou a corretora Wagner Investimentos em relatório.

As atenções agora se voltam para a pesquisa nacional do Ibope que deve ser divulgada após o fechamento dos mercados

A curva a termo de juros precificava nesta manhã apostas divididas entre manutenção e alta de 0,25 ponto percentual da Selic na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) que termina no dia 19 de setembro, segundo operadores.

Na véspera, a curva indicava apostas levemente maiores de manutenção, com 56 por cento das chances. A Selic está atualmente no piso histórico de 6,50 por cento ao ano.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below