for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
marketsNews

Queda do petróleo arrasta Wall Street para baixo

Pedestres caminham em frente à Bolsa de Valores de Nova York, nos Estados Unidos 02/04/2018 REUTERS/Shannon Stapleton

(Reuters) - Os mercados acionários norte-americanos caíam nesta sexta-feira conforme os preços de petróleo atingiam a mínima de mais de um ano e derrubavam as ações de energia, e investidores continuavam nervosos antes das negociações comerciais EUA-China na cúpula do G20 na semana que vem.

Às 12:49, o Dow tinha queda de 0,39 por cento, para 24.368 pontos, o S&P 500 caía 0,41 por cento, para 2.639 pontos e o Nasdaq Composite operava estável, a 6.972 pontos.

O volume de negócios deve ser fraco na sessão mais curta desta sexta-feira, com os mercados de ações fechando às 16h (horário de Brasília). Os mercados não funcionaram na véspera por causa do feriado de Ação de Graças.

O petróleo Brent caía mais de 4 por cento mesmo com produtores de petróleo avaliando um corte na produção para diminuir um crescente superávit global. [O/R]

As grandes petroleiras Exxon Mobil Corp e Chevron Corp caíam cerca de 2 por cento cada uma e estavam entre as maiores quedas no Dow Jones Industrial Average.

Os prestadores de serviço em campos de petróleo Schlumberger NV e Halliburton Co caíam cerca de 3 por cento. Marathon Oil Corp perdia 3,5 por cento.

Isso pressionava o índice de energia do S&P, que recuava 3,1 por cento, a maior queda entre os 11 maiores setores do S&P, que operavam no vermelho ou estáveis.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up