March 26, 2019 / 12:14 PM / 4 months ago

Dólar tem leves variações ante real monitorando tensões ligadas à Previdência

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar tinha leves variações ante o real nesta terça-feira, em meio a uma melhora no sentimento de aversão a risco no exterior mas em compasso de espera em relação à tramitação da reforma da Previdência e com o clima político no país.

Blocos de notas de dólar 12/02 REUTERS/Guadalupe Pardo

Às 10:26, o dólar recuava 0,10 por cento, a 3,8534 reais na venda.Na véspera, a moeda encerrou em queda de 1,15 por cento, a 3,8752 reais na venda.

O dólar futuro tinha variação positiva de 0,05 por cento.

Agentes financeiros seguem de olho em costuras ligadas à Previdência, mais especificamente com o objetivo de apaziguar as tensões políticas entre Executivo e Legislativo dos últimos dias, com o governo tentando retomar o clima de normalidade.

Uma fonte disse à Reuters que as tratativas da véspera, incluindo um almoço entre o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni; o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ); e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), ajudaram a melhorar o clima, “destravando” os impasses.

Nesta terça-feira, o ministro da Economia, Paulo Guedes, irá à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara às 14h para uma audiência pública sobre a Previdência.

O presidente do órgão colegiado, Felipe Francischini (PSL-PR), afirmou à Reuters que espera uma melhora no clima político para a indicação, ainda nesta semana, de um relator para a reforma da Previdência dentro da CCJ.

De acordo com o operador da corretora H.Commcor Cleber Alessie Machado, na ausência de notícias concretas sobre a tramitação da Previdência, as negociações locais ficam à mercê do que ocorre no exterior.

“De palavras animadoras, o mercado já está cheio. Mas está muito difícil sair das palavras e é com isso que o mercado está ficando preocupado. Para o mercado mudar e eventualmente se blindar do que acontece lá fora, a gente precisa de fatos concretos, como uma CCJ que aprove o texto e que vá para a Câmara logo”, afirmou Alessie Machado.

No exterior, ainda há certa cautela, mas em menor escala, sobre desaceleração na economia global, com dados da Alemanha que mostraram que a confiança do consumidor se deteriorou inesperadamente para abril reforçando o sentimento.

Moedas emergentes apresentavam perdas ante o dólar nesta sessão, como o rand sul-africano e o peso mexicano, diante da melhora no cenário exterior. O dólar avançava frente a uma cesta de moedas, recuperando-se após os rendimentos dos Treasuries subirem.

O Banco Central realiza nesta sessão leilão de até 14,5 mil swaps cambiais tradicionais, correspondentes à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento de abril, no total de 12,321 bilhões de dólares.

Por Laís Martins

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below