April 9, 2019 / 2:48 PM / 6 months ago

Ibovespa recua em clima de cautela sobre Previdência antes de CCJ

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa operava no vermelho nesta terça-feira, em dia marcado pela cautela antes da reunião da Comissão de Constituição de Justiça (CCJ) da Câmara, enquanto agentes do mercado monitoram a presença do presidente Jair Bolsonaro e do ministro da Economia, Paulo Guedes, na Marcha dos Prefeitos em Brasília.

REUTERS/Paulo Whitaker

Às 11:42, o Ibovespa caía 0,91 por cento, a 96.478,8 pontos. O volume financeiro era de 2,8 reais.

A CCJ se reúne às 14h30, quando o relator, deputado Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG), deve fazer uma apresentação do parecer sobre a reforma da aposentadoria.

Para o analista Filipe Villegas, da corretora Genial, o evento servirá como termômetro para indicar a relação da Casa com a proposta. “Qualquer sinalização que mostre um impasse sobre a reforma, o mercado pode interpretar como algo negativo”, afirmou.

Nesta terça-feira, Bolsonaro, ministros e os presidentes das Casas do Congresso participam de evento sobre municípios em Brasília. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), fez um apelo a prefeitos para aprovar a reforma da Previdência e disse que a aprovação de mudanças no sistema previdenciário pelo Congresso será um “marco histórico”.

O movimento de cautela também prevalecia no exterior, em meio a preocupações comerciais e com investidores se preparando para a temporada de resultados nos Estados Unidos.

DESTAQUES

- ELETROBRAS PNB declinava 3,95 por cento, operando entre as maiores quedas do Ibovespa, enquanto papel segue volátil em meio a dúvidas sobre o cronograma da capitalização da estatal.

- PETROBRAS PN (PETR4.SA) recuava 0,85 por cento e PETROBRAS ON caía 0,18 por cento, antes de uma reunião para decidir detalhes da cessão onerosa ainda nesta terça-feira. Na véspera, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o acordo da União com a estatal está próximo de ser fechado e não precisa passar pelo Congresso, enquanto o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendeu a necessidade de uma lei para garantir o acerto.

- GOL PN tinha queda de 3,51 por cento, após previsão de margem operacional Ebit de 16 a 17 por cento no primeiro trimestre de 2019, de acordo com dados preliminares e não auditados divulgados nesta terça-feira. Para a margem Ebitda, a projeção é de que fique entre 29 e 30 por cento, acréscimo em relação aos 28 por cento apurados no mesmo período de 2018.

- VALE recuava 1,07 por cento, apesar da alta dos preços do minério de ferro na China. Nesta terça-feira, sindicatos que representam trabalhadores vítimas do rompimento da barragem da mineradora em Brumadinho (MG) disseram que vão impetrar uma ação trabalhista coletiva contra a companhia, pedindo reparações para as famílias dos mortos, bem como para os sobreviventes da tragédia.

- ITAÚ UNIBANCO PN declinava 1,14 por cento, enquanto BRADESCO PN caía 1,37 por cento, contribuindo para o viés negativo do Ibovespa.

- CIELO avançava 2,39 por cento, depois de encerrar em seu menor valor de fechamento no ano há cerca de uma semana.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below