8 de Junho de 2008 / às 12:59 / em 9 anos

Hamilton garante a pole para o GP do Canadá

Por Simon Evans

<p>Hamilton garante a pole para o Grande Pr&ecirc;mio do Canad&aacute;. O l&iacute;der do campeonato mundial de F&oacute;rmula 1, Lewis Hamilton, garantiu a pole position para o Grande Pr&ecirc;mio do Canad&aacute; depois de superar Robert Kubica, da BMW-Sauber, na &uacute;ltima volta do treino classificat&oacute;rio. 7 de junho. Photo by Chris Wattie</p>

MONTREAL (Reuters) - O líder do Mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton, colocou sua McLaren na pole position para o Grande Prêmio do Canadá depois de superar o polonês Robert Kubica, da BMW Sauber, na última volta do treino de classificação, neste sábado.

Tudo indicava que o piloto polonês havia conquistado uma impressionante pole com o tempo de 1min18s498, no mesmo circuito Gilles Villeneuve onde ele sofreu o pior acidente de sua carreira no ano passado.

Mas Hamilton, que conquistou sua primeira vitória de ponta a ponta, aos 22 anos, como piloto estreante na F1 em Montreal em junho passado, conseguiu a volta mais rápida em sua última tentativa, registrando 1min17s886.

O atual campeão do mundo, Kimi Raikkonen, da Ferrari, larga na terceira posição do grid, com o espanhol Fernando Alonso, da Renault, ao seu lado, em quarto.

O alemão Nico Rosberg se classificou em quinto com sua Williams, e o brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, larga em sexto.

Rubens Barrichello, da Honda, garantiu a nona posição, e Nelsinho Piquet, da Renault, ficou em 15o.

Hamilton foi o mais rápido nas três fases do treino de classificação, conquistando apenas sua segunda pole nesta temporada.

“Estou me sentindo confortável dentro do carro desde ontem (sexta-feira). Esta manhã foi complicada para todo mundo com a pista bem escorregadia, mas continuamos com postura positiva e mantivemos o carro da mesma maneira”, disse ele.

“Então, na classificação senti como se estivesse em casa. A equipe fez um grande trabalho no início de cada fase do treino. A primeira volta foi um susto, quase saí da pista na curva 1, a última foi boa -- parecida com o ano passado”, disse.

Hamilton, vencedor em Mônaco e que tem uma vantagem de três pontos para Raikkonen após seis corridas, ficou surpreso por conseguir uma velocidade extra em sua volta final.

“Senti que Kimi estava me seguindo de perto e ele poderia bater meu tempo, então sabia que teria de fazer melhor. Eu encontrei seis ou sete décimos naquela volta, o que foi incrível”, disse.

A pole foi a oitava do britânico em 24 corridas.

Apesar de outra impressionante performance e dois segundos lugares nesta temporada, Kubica não estava otimista com as chances de levar sua BMW Sauber à primeira vitória.

“Olhando para o treino, Ferrari e McLaren têm o melhor ritmo e, infelizmente, vou largar no pior lado da pista, mas vou fazer o meu melhor”, afirmou.

“Este é um dos meus circuitos favoritos, mas não acho que temos condições de vencer aqui.”

Raikkonen estava frustrado já que as condições da pista prejudicaram suas tentativas durante o treino, mas disse que a diferença de tempo entre ele e Hamilton -- mais de um segundo na terceira sessão -- não refletia a real velocidade dos dois carros.

“Não vejo diferença em um segundo em condições normais”, declarou o finlandês.

“Nós temos sidos rápidos, tivemos um bom carro durante todo o final de semana, foi apenas uma pena não poder utilizá-lo da maneira como queríamos. Devemos ter uma boa velocidade na corrida”, completou.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below