11 de Maio de 2008 / às 13:57 / em 10 anos

Dementieva chega à final de Berlim após eliminar Ivanovic

Por Iain Rogers

<p>Dementieva chega &agrave; final de Berlim ap&oacute;s eliminar Ivanovic. A n&uacute;mero dois do mundo Ana Ivanovic sofreu uma surpreendente derrota para Elena Dementieva em parciais de 6-2 e 7-5 na semifinal do Aberto da Alemanha neste s&aacute;bado. 10 de maio. Photo by Tobias Schwarz</p>

BERLIM, Alemanha (Reuters) - A número dois do mundo Ana Ivanovic sofreu uma surpreendente derrota para Elena Dementieva em parciais de 6-2 e 7-5 na semifinal do Aberto da Alemanha neste sábado.

A sérvia de 20 anos, detentora do título em Berlim, cometeu erros não-forçados em excesso e teve seu serviço quebrado cinco vezes pela sétima cabeça-de-chave russa.

Dementieva enfrenta a compatriota Dinara Safina na final de domingo. A 13 cabeça-de-chave, que bateu nesta semana Justine Henin, número um do mundo, e Serena Williams, vencedora de oito títulos de grand slam, derrotou a adolescente bielorussa Victoria Azarenka por 6-4 e 6-1 na primeira semifinal do evento.

Vice-campeã nos Abertos da França e dos EUA em 2004, Dementieva havia vencido as três partidas anteriores contra Ivanovic, mas as duas nunca haviam se enfrentado no saibro.

A russa manteve a calma no tenso segundo set, obtendo alguns winners impressionantes, e gritou de alegria quando Ivanovic mandou longe um backhand no primeiro match point.

“Ana estava muito agressiva, batendo forte em todas as bolas”, disse Dementieva em uma coletiva de imprensa.

“Senti que estava mais consistente, não cometi muitos erros não-forçados, e esse foi o segredo da partida”, acrescentou. “Ela é uma grande jogadora, mas acho que fui um pouco melhor hoje.”

Dementieva e Safina venceram ambas dois de seus quatro duelos anteriores, mas Safina venceu as duas vezes no saibro.

PÁREO DURO

Ivanovic disputava sua segunda partida do dia no estádio Steffi Graf, tendo vencido anteriormente a quarta-de-final contra a décima cabeça-de-chave, a húngara Agnes Szavay.

As tenistas haviam interrompido a partida na sexta-feira já bem tarde por causa da iluminação ruim, quando cada uma havia vencido um set.

“Eu estava bastante feliz com meu primeiro set esta manhã e me sentia muito bem indo para a semifinal, mas hoje ela foi melhor”, disse Ivanovic em uma coletiva de imprensa.

“Acho que criei muitas oportunidades no segundo set, mas talvez nos momentos decisivos não tenha sido tão afiada quando deveria.”

Safina, a irmã caçula de 22 anos do ex-número 1 Marat Safin, enfrentou um páreo duro diante de Azarenka, de meros 18 anos, no primeiro set, perdendo o serviço duas vezes.

A bielorussa parecia lutar com uma lesão no joelho no segundo set que comprometeu severamente seus movimentos, e Safina passeou em quadra até obter a vitória em uma hora e meia de jogo.

“Se alguém me tivesse dito que eu estaria na final, eu teria apertado sua mão e lhe dado metade do prêmio”, disse ela, acrescentando que esta provavelmente foi a melhor semana de sua carreira.

“Na Rússia dizemos que Deus ama as tríades, então espero ser sortuda pela terceira vez na final.”

Azarenka obteve seu melhor desempenho até hoje em Berlim e vai estar entre os 20 primeiros do ranking pela primeira vez assim que este for atualizado.

Ivanovic precisava chegar à final para se manter como segunda do mundo e agora perde a vaga para a russa e ex-número um Maria Sharapova.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below