25 de Junho de 2014 / às 20:05 / em 3 anos

Zaccheroni se demite do comando da seleção japonesa

(Reuters) - O técnico Alberto Zaccheroni pediu demissão do comando da seleção do Japão nesta quarta-feira, depois de assumir total responsabilidade pela eliminação dos atuais campeões asiáticos na primeira fase da Copa do Mundo no Brasil.

Técnico do time do Japão, Alberto Zaccheroni, participa de entrevista coletiva depois de treino em Cuiabá. 23/6/ 2014. REUTERS/Eric Gaillard

A fraca campanha japonesa no Mundial terminou com a derrota por 4 x 1 para a Colômbia na terça-feira, e a equipe terminou na última posição do Grupo C, com somente um ponto depois da derrota na estreia para a Costa do Marfim e o empate em 0 x 0 com a Grécia.

“Sou eu quem decide sobre as táticas e sobre como jogamos e quero assumir total responsabilidade”, disse o treinador italiano segundo a agência de notícias Kyodo.

“Todos se reuniram no almoço hoje e eu agradeci a todas as pessoas que apoiaram o time. Eu chamaria exatamente os mesmos jogadores e a mesma comissão técnica se tivesse a chance.”

Em janeiro, o Japão vai tentar defender seu título asiático na Austrália.

Reportagem de Patrick Johnston

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below