11 de Setembro de 2014 / às 11:05 / em 3 anos

Juíza sul-africana absolve Pistorius de todas as acusações de homicídio doloso

PRETÓRIA (Reuters) - A Juíza sul-africana Thokozile Masipa inocentou o atleta olímpico e paralímpico Oscar Pistorius de todas as acusações de assassinato, dizendo que ele não previu que poderia matar alguém na noite em que atirou em sua namorada, Reeva Steenkamp.

Velocista sul-africano Oscar Pistorius durante seu julgamento na Alta Corte de Gauteng do Norte, em Pretória, na África do Sul. 11/09/2014. REUTERS/Phill Magakoe/Pool

“É evidente que ele subjetivamente não previu isso como uma possibilidade de que iria matar a pessoa por trás da porta, e muito menos a falecida, já que ele pensou que ela estava no quarto”, afirmou Masipa a um tribunal lotado, enquanto as lágrimas escorriam pelo rosto de Pistorius.

Pistorius ainda pode ser considerado culpado de homicídio culposo, se a juíza considerar que o atleta foi negligente quando matou Reeva a tiros.

O tribunal fez um intervalo para o almoço.

Reportagem de Joe Broc

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below