16 de Abril de 2015 / às 15:08 / em 3 anos

Jogar champagne foi tentativa de mostrar o lado divertido da F1, diz Hamilton

MANAMA (Reuters) - O campeão mundial Lewis Hamilton disse que só estava tentando mostrar o lado divertido da Fórmula 1 quando jogou champagne no rosto de uma recepcionista no no pódio do Grande Prêmio da China, na semana passada.

Lewis Hamilton jogando champagne no rosto da funcionária do Grande Prêmio da China. 12/04/2015 REUTERS/Carlos Barria

O incidente de domingo, capturado em fotografias que mostravam a mulher se esquivando enquanto o piloto da Mercedes jogava um jato da bebida nela, gerou críticas por parte da mídia na Grã-Bretanha, Alemanha e China.

A mulher minimizou o incidente, durante entrevista ao jornal Shangai Daily, e Hamilton disse estar aliviado de ouvir isso.

“Foi um grande fim de semana e no geral minhas ações são derivadas de entusiasmo”, disse o britânico a repórteres nesta quinta-feira após chegar para o Grande Prêmio do Barein.

“Isto é Fórmula 1, é auge do automobilismo e eu ganhei um Grande Prêmio para a equipe. Vocês deveriam ver isto como algo divertido... Eu nunca, nunca tive a intenção de desrespeitar ou tentar envergonhar alguém”, completou o piloto.

Liu Siying, de 22 anos, formada no Instituto de Xangai de Artes Visuais, disse que não pensou muito sobre o incidente, de acordo com o jornal Shangai Daily.

A prática de pilotos jogarem champagne para o alto no pódio se tornou um ritual décadas atrás, mesmo com alguns críticos vendo o ato como rude e outros argumentando que é desperdício de um bom espumante.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below