19 de Abril de 2015 / às 16:43 / em 3 anos

Chivas Guadalajara e Ronaldinho vivem alegria em dose dupla no México

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - O Guadalajara teve alegria em dose dupla neste fim de semana ao se manter na liderança do Campeonato Mexicano e evitar o rebaixamento, assim como Ronaldinho, que fez dois gols na vitória do Queretaro sobre o America e foi ovacionado pela torcida rival.

O Queretaro já ganhava por 2 a 0 quando Ronaldinho entrou em campo aos 39 minutos do segundo tempo no estádio Azteca, verdadeira fortaleza do America. O craque brasileiro tratou de marcar apenas dois minutos depois de entrar, colocando a bola entre as pernas do goleiro Hugo Gonzalez.

O ex-melhor jogador do mundo completou a humilhação do atual campeão America com mais um gol nos acréscimos após tabelinha.

O público da casa ovacionou o brasileiro, fazendo-o lembrar de episódio semelhante diante da torcida do Real Madrid, quando ele marcou um golaço pelo Barcelona no superclássico espanhol.

“É uma grande emoção em minha vida. Aconteceu comigo no Bernabeu e agora aqui. Eu nunca vou me esquecer”, disse Ronaldinho à Televisa. 

A vitória colocou o Queretaro no grupo dos oito melhores que se classificam para a fase mata-mata do campeonato.

A alegria da equipe de Ronaldinho, no entanto, pode ser curta, pois o Pachuca, dois pontos atrás, joga neste domingo contra o Leones Negros, time ameaçado pelo rebaixamento.

Já o Chivas Guadalajara, que empatou em 1 x 1 com o Tijuana na sexta-feira, foi ajudado em sua luta contra a queda pelo rival da cidade Atlas, que venceu o também ameaçado Puebla por 1 x 0 no sábado.

O Chivas não ficará na zona de rebaixamento graças à média de pontos da equipe nas últimas três temporadas, mesmo se perder as últimas três partidas da primeira fase do torneio Clausura.

A equipe de Guadalajara tem 25 pontos, um a mais que Tijuana e Veracruz, que por sua vez empatou em 1 x 1 em Chiapas na sexta.

O quarto colocado Tigres, com a confiança em alta depois de alcançar as oitavas de final da Copa Libertadores da América em campanha invicta em seis jogos na primeira fase, arrasou o rival Monterrey por 3 x 0 no dérbi da cidade.

O treinador argentino do Monterrey, Antonio Mohamed, teve de acompanhar a partida das arquibancadas uma vez que cumpre suspensão de dois jogos por protestar durante o empate em 1 x 1 com o América no último fim de semana, time que, por sinal, ele levou ao título do último torneio Apertura em dezembro.

O Cruz Azul perdeu a chance de se juntar ao Chivas com 25 pontos ao perder por 2 x 0 para o Morelia, que ocupa a parte de baixo da tabela.

Reportagem de Rex Gowar

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below