4 de Dezembro de 2015 / às 23:16 / 2 anos atrás

Presidente da federação de futebol do Equador se apresenta à promotoria após acusação

QUITO (Reuters) - O presidente da Federação Equatoriana de Futebol (FEF), Luis Chiriboga, se apresentou nesta sexta-feira à promotoria do país para prestar depoimento no âmbito da investigação de autoridades locais após as acusações dos Estados Unidos sobre corrupção dentro da Fifa.

Presidente da Federação Equatoriana de Futebol (FEF), Luis Chiriboga (à esquerda), conversa com o jogador Antonio Valencia durante cerimônia especial, em Quito, no Equador, no ano passado. 26/05/2014 REUTERS/Guillermo Granja

“Venho voluntariamente colaborar com a promotoria”, disse o dirigente ao chegar em seu veículo particular, apesar de ter uma ordem de prisão por parte das autoridades equatorianas.

Outros dois dirigentes da FEF também se apresentaram voluntariamente às autoridades e ficaram detidos.

Mais cedo, a promotoria informou o congelamento da conta pessoal de Chiriboga e de outros funcionários da FEF, no âmbito da investigação do esquema de subornos na Fifa e que tem atingido a Conmebol.

A promotoria dos Estados Unidos acusou na quinta-feira 16 pessoas, entre elas o presidente da FEF, de participar de atos de corrupção, o que levou as autoridades judiciais equatorianas a iniciar formalmente uma investigação sobre essas acusações.

Reportagem de Alexandra Valencia e José Llangarí

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below