July 2, 2017 / 8:47 PM / a year ago

Alemanha sobrevive à pressão chilena e é campeã da Copa das Confederações

SÃO PETERSBURGO, Rússia (Reuters) - A Alemanha suportou a grande pressão da seleção do Chile e se aproveitou de um erro infantil dos sul-americanos para conquistar a vitória por 1 a 0 e levantar a taça da Copa das Confederações após uma final emocionante neste domingo.

Alemanha vence Chile por 1 a 0 e conquista Copa das Confederações

Lars Stindl marcou o único gol do jogo, praticamente sem goleiro, aos 20 minutos, depois que o meio-campista do Chile Marcelo Diaz perdeu a bola sozinho dentro da área.

O Chile, jogando com seu estilo característico de compactação e pressão e impulsionado por outra grande exibição de Arturo Vidal, dominou a partida, mas sucumbiu à má qualidade na finalização.

Houve um episódio controverso envolvendo a tecnologia do árbitro de vídeo (AV) no segundo tempo quando o zagueiro do Chile Gonzalo Jara deu uma cotovelada em Timo Werner.

O árbitro sérvio Milorad Mazic não viu o lance, mas foi alertado pelos assistentes de vídeo e então mostrou a Jara um cartão amarelo em vez do vermelho.

Houve ainda um lance perigoso nos acréscimos, com o goleiro da Alemanha Marc-Andre ter Stegen se esticando todo para evitar gol de falta de Alexis Sanchez.

O título, no entanto, pode ser um mau presságio para a Alemanha, já que nenhuma equipe na história jamais ganhou a Copa do Mundo depois de levantar a taça da Copa das Confederações no ano anterior.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below