April 9, 2018 / 2:34 PM / 7 months ago

Diretor de associação substitui técnico Halilhodzic no comando da seleção do Japão

TÓQUIO (Reuters) - O diretor da Associação de Futebol do Japão (JFA, na sigla em inglês), Akira Nishino, substituirá Vahid Halilhodzic como técnico da seleção a meros dois meses da Copa do Mundo, informou a entidade nesta segunda-feira.

Nishino, que passou 10 temporadas a cargo do Gamba Osaka e se tornou diretor técnico da JFA em 2016, terá pouco tempo para se preparar para o torneio da Rússia, no qual o Japão atuará no Grupo H ao lado de Colômbia, Polônia e Senegal.

O Japão tem três amistosos agendados antes de estrear no Mundial diante dos colombianos em 19 de junho.

Halilhodzic, que assumiu em maio de 2015, levou a seleção à sua sexta Copa consecutiva quando esta terminou as eliminatórias asiáticas na liderança do Grupo B, adiante de Arábia Saudita e Austrália.

Mas um empate com o Mali e uma derrota para a Ucrânia em amistosos do mês passado não ajudaram a diminuir as preocupações com a atuação do elenco neste ano e aumentaram a pressão sobre o treinador de 65 anos.

“Depois que nos classificamos para a Copa do Mundo, marcamos alguns amistosos, mas finalmente decidimos demitir Halilhodzic dois dias atrás”, disse o presidente da JFA, Kozo Tashima, em uma coletiva de imprensa lotada nesta segunda-feira.

“Não decidimos isto só por causa dos resultados dos jogos ou por causa das reportagens, mas é claro que ouvimos as vozes dos jogadores... depois das partidas com o Mali e a Ucrânia, o relacionamento entre os técnicos e os jogadores se diluiu.”

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below