June 12, 2018 / 3:34 PM / 5 months ago

Pesquisa global sugere que brasileiros não são tão mais apaixonados por futebol

Rua decorada para a Copa do Mundo em Vila Isabel, no Rio de Janeiro 11/06/2018 REUTERS/Sergio Moraes

ZURIQUE (Reuters) - A reputação do Brasil como um país apaixonado por futebol foi colocada em dúvida por um estudo internacional que apontou, nesta terça-feira, que apenas 60 por cento dos entrevistados disseram ter interesse no esporte.

O Emirados Árabes Unidos ficaram no topo da lista de países interessados no esporte, compilada pela empresa de informações globais, dados e medição Nielsen Sports, que listou 30 países de acordo com a porcentagem da população que se descreveu como interessada em futebol. 

Os Emirados Árabes Unidos, cuja porcentagem está em 80 por cento, foram seguidos por Tailândia (78 por cento) e Chile, Portugal, e Turquia (todos com 75 por cento). O Brasil ficou em 13º lugar no ranking.

O número do Brasil caiu ante 72 por cento em 2013, um ano antes de o país sediar a Copa do Mundo e ver sua seleção ser humilhada pela Alemanha nas semifinais ao perder por 7 x 1.

Também nesta terça-feira, pesquisa Datafolha publicada pelo jornal Folha de S.Paulo mostrou que o desinteresse dos brasileiros com a Copa do Mundo bateu recorde, atingindo 53 por cento cento. A marca é a pior às vésperas de uma Copa desde 1994, quando o Datafolha fez a pergunta pela primeira vez, segundo o instituto.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below