June 12, 2018 / 4:10 PM / 3 months ago

Partida de abertura da Copa do Mundo terá equipe de gandulas feminina

AGRYZ, Rússia (Reuters) - Catorze garotas russas trabalharão como gandulas na partida de abertura da Copa do Mundo na próxima quinta-feira, o primeiro grupo inteiramente feminino a desempenhar esse papel. 

Estádio Luzhniki, em Moscou, onde será disputado o jogo de abertura da Copa do Mundo da Rússia 30/05/2018 REUTERS/Maxim Shemetov

As meninas, que têm entre 13 e 16 anos de idade, são de Agryz, cidade de 19 mil habitantes a 800 quilômetros de Moscou e foram escolhidas pela seleção russa de futebol depois de chegarem a uma lista restrita de “principiantes inspiradores” em um torneio de futebol juvenil. 

“É como um conto de fadas para elas”, disse o técnico Ilda Idiyatov. 

As 14 garotas, que jogam futebol por um time na região russa do Tartaristão, terão os olhares do mundo sobre ela quando devolverem a bola para jogo na partida do grupo A entre Rússia e Arábia Saudita, no estádio Luzhniki em Moscou. 

O comitê local de organização disse que 776 crianças trabalharão como gandulas no torneio de 64 jogos, mas essa será a primeira vez em que um grupo completamente feminino trabalhará em um jogo de abertura da Copa do Mundo. 

“Mulheres não são o sexo frágil, estamos sempre prontas para competir com meninos no mesmo nível”, disse Daria Vasilyeva, uma das meninas escolhidas para a partida de abertura. “Na Copa do Mundo todos nós estamos unidos e temos todos o mesmo valor.” 

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below