June 13, 2018 / 12:31 PM / in 9 days

Estados Unidos, México e Canadá sediarão Copa do Mundo de 2026

Por Simon Evans

Presidentes das federações de futebol de EUA, México e Canadá comemoram vitória da candidatura dos três países na disputa para sediar Copa do Mundo de 2026 13/06/2018 REUTERS/Sergei Karpukhin

MOSCOU (Reuters) - A Copa do Mundo de 2026 será realizada nos Estados Unidos, México e Canadá, depois que o Congresso da Fifa aprovou nesta quarta-feira a candidatura conjunta dos três países para sediar o torneio, deixando o Marrocos de fora pela quinta vez.

A candidatura dos países da América do Norte recebeu 134 votos, contra 65 para o Marrocos, enquanto um membro do congresso votou “por nenhuma das candidaturas”.

A Copa de 2026 será o primeiro torneio expandido com 48 times, frente às atuais 32 seleções que disputarão o campeonato na Rússia a partir de quinta-feira.

Ambas candidaturas tiveram uma última chance de defender suas propostas com apresentações de 15 minutos para o Congresso, realizado em Moscou, onde os três países norte-americanos afirmaram que seu torneio geraria um lucro de 11 bilhões de dólares, enquanto Marrocos disse que seu lucro seria de 5 bilhões de dólares.

Essa será a primeira Copa a ser realizada em três países, mas a grande maioria dos jogos será disputada nos Estados Unidos.

Dos 80 jogos, 10 acontecerão no Canadá, 10 no México e 60 nos Estados Unidos, com a final disputada no estádio MetLife, em Nova Jersey, casa dos times de futebol americano New York Giants e New York Jets.

“Obrigado por confiar a nós o privilégio de sediar a Copa do Mundo da Fifa de 2026”, disse o presidente da Federação de Futebol dos Estados Unidos, Carlos Cordiero, ao Congresso.

“O futebol hoje é o único vencedor.”

Os Estados Unidos sediaram a Copa anteriormente em 1994, enquanto o México recebeu o torneio em 1970 e 1986. O Canadá nunca sediou uma Copa do Mundo masculina, mas recebeu o torneio feminino em 2015.

“Estamos muito animados que a associação de membros da Fifa confiou à região Concacaf a honra de sediar a Copa do Mundo de 2026 em seu formato estendido”, disse a Confederação de Futebol da América do Norte, Central e Caribe (Concacaf) em comunicado.

“Cada um dos 23 estádios da candidatura conjunta está completamente construído, ocupado e operacional, garantindo uso de longo prazo após a Copa do Mundo de 2026.”

O presidente da Federação de Futebol do México e co-presidente da candidatura, Decio de Maria, disse: “Estamos gratos pela chance de dar vida à nova visão da Fifa para o futuro do futebol”.

“Usaremos essa plataforma para unir o mundo ao redor do futebol e ajudar a criar um novo e sustentável modelo para o futuro das Copas do Mundo da Fifa.”

Reportagem Adicional de Mark Gleeson e Gabrielle Tetrault-Farber

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below