June 23, 2018 / 4:38 PM / 5 months ago

VAR é contestado após pênalti não marcado para a Sérvia

SAMARA, Rússia (Reuters) - Os críticos da tecnologia do árbitro de vídeo (VAR) ganharam mais munição depois que a Sérvia teve negado um pênalti aparentemente claro durante a derrota para a Suíça na sexta-feira.

Aleksandar Mitrovic, da Sérvia, conversa com árbitro Felix Brych durante partida contra a Suíça na Copa do Mundo 22/06/2018 REUTERS/Mariana Bazo

A Sérvia perdeu por 2 x 1 em Kaliningrado com Xherdan Shaqiri fazendo o gol da virada no último minuto, mas poderia ter sido diferente se fosse marcado um pênalti sobre Aleksandar Mitrovic.

Já havia se passado metade do segundo tempo quando os zagueiros da Suíça Stephan Lichsteiner e Fabian Schar agarraram o atacante da Sérvia e levaram-o ao chão, dentro da grande área.

O árbitro alemão Felix Brych deu continuidade à jogada e a decisão inexplicavelmente foi mantida, embora a tecnologia do árbitro de vídeo (VAR) esteja em funcionamento e tenha como função prevenir esse tipo de controvérsia.

O técnico sérvio Mladen Krstajic se recusou a condenar os árbitros na coletiva de imprensa pós-partida.

“No que diz respeito ao árbitro, não cabe a mim comentar ou repreendê-lo. Cabe a vocês avaliarem isso”, disse ele aos jornalistas.

O ex-jogador da seleção local e vice-presidente da associação sérvia de futebol Savo Milosevic foi menos reticente, dizendo que essa é a segunda grande decisão tomada contra a Sérvia, depois que o mesmo Mitrovic teve um pênalti negado durante a vitória contra a Costa Rica no jogo de estreia dos sérvios no Grupo E da Copa do Mundo.

“Eu entendo que talvez o árbitro não tenha visto, mas é por isso que existe o VAR. O que aqueles caras estão fazendo lá?”, teria dito Milosevic de acordo com a imprensa.

“Duas decisões em dois jogos é muita coisa. É Copa do Mundo.”

O ex-zagueiro da Inglaterra e do Manchester United Rio Ferdinand classificou a falha como “um roubo”.

“Eu acho que deveria ter recorrido ao VAR. Eu não sei o que as pessoas tomando decisões estão fazendo, mas elas deveriam olhar para si mesmas pois houve duas pessoas agarrando Mitrovic na área”, disse Ferdinand, que trabalha como comentarista na BBC.

“Foi um roubo. É inacreditável”, acrescentou.

O lance foi comparado a um semelhante que aconteceu no jogo da Inglaterra com a Tunísia, na qual o atacante Harry Kane foi agarrado e derrubado por um zagueiro e o árbitro não marcou pênalti.

O lateral Pablo Zabaleta, que jogou mais de 50 vezes pela seleção argentina, concordou com Ferdinand. 

“Foi infração — não dá para acreditar que não marcaram.”

“Eu acho que era uma visão clara para o árbitro, o zagueiro sequer olha para a bola, ele apenas segura Mitrovic.”

A derrota deixou a Sérvia precisando de uma vitória contra o Brasil no jogo final da primeira fase para se classificar sem ter que depender do resultado do jogo dos suíços contra a Costa Rica, que por sua vez já está eliminada com duas derrotas.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below