July 6, 2018 / 6:01 PM / 4 months ago

Técnico do Uruguai lamenta falta de "soluções coletivas" e diz que França foi melhor

Tabárez em jogo do Uruguai contra a França 6/7/2018 REUTERS/Jason Cairnduff

NIZHNY NOVGOROD, Rússia (Reuters) - A seleção uruguaia foi eliminada nas quartas de final da Copa do Mundo nesta sexta-feira por “detalhes”, disse o técnico Óscar Tabárez, que lamentou que a “celeste” não tenha encontrado “soluções coletivas” para se recuperar da desvantagem.

A França derrotou o Uruguai por 2 x 0 com gols de Raphael Varane e Antoine Griezmann e chegou às semifinais. 

“Essa coisa das partidas de mata-mata é assim, questão de detalhes, e esse gol foi um detalhe, mas acontece às vezes, e quando alguém comete um erro é preciso buscar soluções coletivas e tratar de remontar a coisa. A equipe rival fez as coisas melhor, eu vejo por esse lado, nada mais”, disse Tabárez em uma coletiva de imprensa.

    “Fizeram gol de cabeça em nós, sim, mas hoje, depois de muitíssimo tempo. Na vida se equivoca aquele que não faz nada (...) Hoje olhei para os jogadores e lhes disse ‘de cabeça bem erguida’. De minha parte não há nenhuma repreensão porque seria desconhecer o que penso do futebol”, acrescentou.

    Tabárez destacou o feito de seus jogadores.

    “Isso me deixa muito tranquilo, supera minha tristeza por não poder concretizar o que sonhávamos”, explicou.

    “Hoje perdemos, mas já parece que as quatro partidas que ganhamos não nos bastam. Há um rival que ganhou, é preciso reconhecê-lo e parabenizá-lo, mas já não podemos fazer nada em relação a essa partida”.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below