July 13, 2018 / 9:51 PM / in 4 months

Copa do Mundo cria pausa em campeonatos de clubes dominados por dinheiro e mostra apelo único

MOSCOU (Reuters) - A reação dos apresentadores de TV panamenhos disse tudo. Conforme o hino nacional começou a tocar antes da partida do Panamá contra a Bélgica, David Samudio Garay fechou seus punhos, os colocou no ar e abraçou seu colega Miguel Remon, que estava chorando de emoção. A dupla então trocou cumprimentos.

Torcedores se reúnem na Cidade do Panamá para torcer pela seleção na Copa 30/6/2018 REUTERS/Carlos Lemos

Enquanto isso, na distante Islândia, 99,6 por cento de todos os espectadores sintonizaram suas TVs para assistir à partida do país no torneio contra a Argentina.

Isto é o que significa para um país quando joga na Copa do Mundo pela primeira vez.

Durante grande parte do ano, o futebol de seleções é visto como uma invasão indesejada na temporada de clubes europeus.

O futebol de melhor qualidade é geralmente encontrado na Liga dos Campeões. Certa vez, Alex Fergsuson, ex-técnico do Manchester United, descreveu a Copa do Mundo como “melhor que ir ao dentista”.

    Mas um mês repleto de surpresas na Rússia mostrou que a Copa do Mundo ainda possui um apelo único e a habilidade de tirar o fôlego de países inteiros.

A Copa é amplamente mais democrática que competições entre clubes, nas quais os mesmos poucos clubes europeus com muito dinheiro dominam as principais competições todos os anos – um domínio que deve ficar ainda mais forte graças ao sistema de distribuição de renda que pesa intensamente para seus lados.

A Copa do Mundo, por outro lado, permite que países como a Islândia, o Panamá, a Costa Rica e o Uruguai assumam o palco principal e enfrentem países maiores em um campo de jogo nivelado.

As equipes obviamente devem selecionar jogadores de seus países e não há a imersão no mercado de transferências para fechar os buracos, graças às estritas regras de nacionalidade que garantem que países mais ricos não possam comprar o caminho ao sucesso ao oferecerem dinheiro para jogadores de alto nível.

    “O dinheiro fala mais alto – mas não na Copa do Mundo”, disse Andy Roxburgh, ex-técnico da Escócia e membro do grupo de estudos técnicos da Fifa.

Isto significa que a Croácia, quase fora do radar em nível de clubes e um país que age como fornecedor de talentos para ligas na Europa, foi capaz de chegar à final do torneio na Rússia.

    Embora reviravoltas no futebol de clubes sejam cada vez mais raras, ainda há uma abundância delas na Copa do Mundo.

    O Brasil e a Inglaterra precisaram de gols nos acréscimos para vencer a Costa Rica e a Tunísia, respectivamente, enquanto o México e a Coreia do Sul derrotaram a Alemanha, atual campeã mundial, e o Japão conseguiu uma liderança de 2 x 0 sobre a Bélgica antes de ser derrotado por 3 x 2.

Ainda há o notável caso do Uruguai, que chegou à fase de mata-mata pela terceira vez seguida apesar de ter uma população de somente 3,3 milhões de pessoas.

    “Eu tive grande satisfação em nível de clubes em muitos países em muitas partes do mundo, mas nada me dá a mesma satisfação que treinar a seleção do meu país”, disse o técnico Óscar Tabárez.

O formato de 32 seleções parece ideal, grande o suficiente para dar a chance de países como Panamá e Islândia se classificarem pela primeira vez e pequeno o suficiente para garantir que a classificação permaneça uma façanha por si só.

Ainda assim, a Fifa irá expandir o torneio para 48 seleções a partir de 2026, o que pode transformar classificação numa formalidade, ao invés de um desafio para muitas equipes.

    A Fifa também planeja criar uma competição global chamada Liga das Nações, realizando um torneio entre oito equipes que será na prática uma mini-Copa do Mundo a cada dois anos, enquanto planos estão em andamento para um Mundial de Clubes com 24 equipes a cada quatro anos.

    “Eu vejo que há grandes times na Europa com ideias sobre competir com a Copa do Mundo”, disse Tabárez. “Mas nenhum outro evento, em tempos de paz, conquista atenção de tantas pessoas como uma Copa do Mundo”.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below