July 23, 2018 / 4:14 PM / 8 months ago

Associação de futebol alemã rejeita acusações de racismo feitas por Ozil

Meia alemão Mesut Ozil olha para baixo após derrota para Coreia do Sul na Copa da Rússia 27/06/2018 REUTERS/Michael Dalder

BERLIM (Reuters) - A Associação de Futebol da Alemanha (DFB) rejeitou nesta segunda-feira as acusações de racismo que recebeu do meio-campista Mesut Ozil, que disse no domingo que não jogará mais pela seleção porque enfrentou “racismo e desrespeito” devido às suas raízes turcas.

“Rejeitamos enfaticamente que a DFB seja ligada ao racismo”, disse a entidade em um comunicado. “A DFB está muito envolvida no trabalho de integração na Alemanha há muitos anos.”

Ozil, que joga no time inglês Arsenal, disse que o presidente da DFB, Reinhard Grindel, o culpou pelo mau desempenho da seleção na Copa do Mundo deste ano, considerando-o um alemão quando o time vencia e um imigrante quando perdia.

Por Michelle Martin

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below