September 26, 2019 / 11:19 PM / 3 months ago

Catar vê estádios climatizados como futuro para Copa do Mundo

DOHA (Reuters) - O termômetro marcava persistentes 35 graus Celsius em uma noite de final de setembro no Catar, do lado de fora do estádio Al Janoub, recém-construído para a Copa do Mundo de 2022, mas no campo a temperatura era de apenas 21 graus.

O Catar, pequeno país do Golfo conhecido por seu clima desértico, afirmou ter projetado um sistema de refrigeração que pode tornar seus estádios a céu aberto usáveis até mesmo em temperaturas de verão, que giram em torno dos 40 graus.

A próxima edição da Copa do Mundo foi transferida para novembro e dezembro para evitar o intenso calor de Doha, mas o Catar decidiu manter os estádios climatizados para ter palcos usáveis o ano todo no futuro. 

O Al Janoub, um estádio de 40 mil lugares feito para lembrar a vela de um dhow, tradicional barco de madeira, foi entregue em maio e é o primeiro a ter o novo sistema de refrigeração. 

O estádio foi o primeiro dos sete no Catar a ser finalizado antes da competição. Os outros seis estão programados para finalização até o final de 2020 e um oitavo, o Estádio Internacional Khalifa, foi renovado e entregue em 2017.

Autoridades do comitê organizador da Copa do Mundo do Catar afirmaram que o país está gastando de 6,5 bilhões a 7 bilhões de dólares em todos os estádios e centros de treinamento.

Reportagem de Eric Knecht

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below