December 10, 2019 / 3:46 PM / in 7 months

Putin diz que Rússia pode apelar de suspensão esportiva por doping

Presidente russo, Vladimir Putin 09/12/2019 REUTERS/Charles Platiau/Pool

PARIS (Reuters) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse na segunda-feira que Moscou tem motivos para apelar de uma decisão da Agência Mundial Antidoping (Wada) de suspender seu país de grandes eventos esportivos, uma medida que ele disse violar a Carta Olímpica.

A Rússia foi banida na segunda-feira das maiores competições do mundo por quatro anos, o que inclui as próximas Olimpíadas de Verão e de Inverno e a Copa do Mundo de 2022, por adulterar exames de doping.

Putin, que falava em Paris depois de conversas com o presidente ucraniano, disse que a Rússia analisará a decisão, que disse soava política e não ser do interesse do esporte.

O comitê executivo da Wada agiu depois de concluir que Moscou plantou provas falsas e apagou arquivos ligados a exames de doping positivos de dados de laboratório que poderiam ter ajudado a identificar infratores.

A decisão foi um grande golpe no orgulho de uma nação que tradicionalmente é uma potência em muitos esportes, mas cuja reputação vem sendo maculada por uma série de escândalos de doping.

Em uma coletiva de imprensa no Palácio do Eliseu, sede do governo francês, Putin disse que as conclusões da Wada não contêm queixas dirigidas ao Comitê Olímpico Nacional russo.

“E se não há queixas contra ele, o país deveria competir com a bandeira nacional. Isso está escrito na Carta Olímpica. Isso significa que, nesse aspecto, a decisão da Wada violou a Carta Olímpica. Temos todos os motivos para apelar.”

“Qualquer punição deveria ser individual, e deveria ser ligada ao que foi feito... por uma pessoa ou outra. Uma punição não pode ser coletiva e se aplicar a pessoas que não têm nada a ver com certas violações”, acrescentou.

“Se alguém toma tal decisão sobre uma punição coletiva, acho que existem todos os motivos para supor que a base de tais decisões não é uma preocupação com a pureza do esporte internacional, mas considerações políticas que não têm nada a ver com o interesse do esporte ou do movimento olímpico”, disse Putin.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below