December 18, 2019 / 11:26 PM / a month ago

Manifesto olímpico torna-se memorabilia esportiva mais cara da história

NOVA YORK (Reuters) - O manifesto olímpico original, que delineia a fundação dos Jogos Olímpicos modernos, quebrou o recorde mundial de memorabilia esportiva mais cara já vendida, alcançando 8,8 milhões de dólares em leilão na quarta-feira.

Especialistas esperavam que o item fosse vendido por até 1 milhão de dólares, mas o artefato subiu de preço após uma guerra de lances de mais de 12 minutos entre três compradores internacionais, de acordo com a casa de leilões Sotheby’s.

O manifesto olímpico, escrito pelo fundador do Comitê Olímpico Internacional Pierre de Coubertin em 1892, defendia a ressurreição dos Jogos Gregos antigos e foi o precursor da estreia da competição quatro anos depois em Atenas.

“O resultado recorde de hoje é um testemunho da visão de Pierre de Coubertin de mais de um século atrás e da reverência com a qual os Jogos Olímpicos ainda são realizados”, disse o especialista sênior da Sotheby’s, Selby Kiffer, em comunicado.

Uma camisa do New York Yankees usada por Babe Ruth era anteriormente o item mais caro de memorabilia esportiva, sendo vendida por 5,64 milhões de dólares em junho.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below