March 28, 2020 / 5:10 PM / 2 months ago

"Desafio" para decidir quem paga a conta de adiar os Jogos Olímpicos, diz comitê organizador

(Reuters) - O presidente do Comitê Organizador da Olimpíada de Tóquio-2020, Yoshiro Mori, afirmou às federações internacionais que decidir quem pagará a conta de adiar os Jogos para 2021 será um “grande desafio”, segundo o site de notícias olímpicas Insidethegame publicou neste sábado.

O Comitê Olímpico Internacional (COI) e os organizadores japoneses adiaram, esta semana, o evento programado para 24 de julho a 9 de agosto por causa da pandemia de coronavírus - o primeiro adiamento do tipo nos 124 anos de história dos Jogos.

O Japão investiu 12 bilhões de dólares na preparação para os Jogos e o presidente do COI, Thomas Bach, alertou que o valor total crescerá.

“O custo extra que surgirá deste adiamento é inevitável”, escreveu Mori em uma carta às 33 federações internacionais dos esportes que compõem a programação dos Jogos de Tóquio.

“Decidir quem arcará com esses custos e como isso será feito será um grande desafio”.

Mori também emitiu um grito de guerra para que os Jogos Olímpicos e Paralímpicos fossem realizados ano que vem para mostrar que os humanos “triunfaram sobre o coronavírus”.

O Comitê Organizador de Tóquio-2020 lançou uma força-tarefa para resolver assuntos ligados ao adiamento, como revisar datas dos Jogos e a garantir os locais de competição.

Reportagem de Rohith Nair em Bengaluru

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below