April 29, 2020 / 3:16 PM / 3 months ago

Maradona pede nova "mão de Deus" para acabar com pandemia de coronavírus

Diego Maradona durante partida entre Boca Juniors e Gimnasia y Esgrima 07/03/2020 REUTERS/Agustin Marcarian

BUENOS AIRES (Reuters) - Diego Maradona pediu na terça-feira uma nova “mão de Deus”, como a que o tornou mundialmente famoso na vitória da Argentina contra a Inglaterra na Copa do Mundo de 1986, mas desta vez não para ganhar um jogo futebol, e sim para encerrar a pandemia de coronavírus.

“Hoje tivemos isso (não cair graças ao final antecipado do torneio) e muitos dizem que é uma nova mão de Deus”, disse o técnico do Gimnasia y Esgrima La Plata, que estava lutando para não ser rebaixado no futebol argentino até a federação local decidir cancelar os rebaixamentos.

“Mas hoje peço a essa mão (de Deus) que acabe com essa pandemia e as pessoas possam viver suas vidas novamente, com saúde e felicidade”, acrescentou o ex-jogador a um jornal local.

Maradona disse que não concorda com o cancelamento dos rebaixamentos por dois anos devido à suspensão das ligas pela pandemia de coronavírus, embora tenha ressaltado que continuar com sua equipe na primeira divisão “é um prêmio”.

A Argentina soma 4.127 infectados e 214 mortos, segundo dados oficiais de terça-feira. Em todo mundo, o coronavírus deixou mais de 3 milhões de infectados e cerca de 210.000 mortos, segundo contagem da Reuters.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below