May 7, 2020 / 8:49 PM / 3 months ago

Atletas podem ficar particularmente vulneráveis em casos graves de Covid-19, diz sindicato

BERNA (Reuters) - Atletas profissionais podem estar particularmente vulneráveis no caso de ficarem gravemente doentes com o novo coronavírus, disse o chefe de um sindicato global que os representa à Reuters nesta quinta-feira.

Velocista britânica Desiree Henry treina em campo de golfe 26/04/2020 REUTERS/Tom Jacobs

Brendan Schwab, diretor-executivo da Associação Mundial de Atletas, afirmou que alguns atletas estavam sendo orientados a abandonar direitos que normalmente lhes dariam proteção jurídica e financeira caso adoecessem.

“Temos visto pesquisas de que atletas podem estar particularmente vulneráveis a sintomas graves”, disse Schwab, cujo sindicato representa cerca de 85.000 atletas, incluindo muitos que jogam na NBA, MLB, NHL, NFL, rúgbi e futebol europeu.

“O vírus pode penetrar profundamente nos pulmões, é um vírus que pode causar danos graves, não apenas aos pulmões, mas a outros órgãos, e atletas precisam estar em um nível muito alto de saúde e boa forma para preservar suas carreiras.”

Schwab afirmou que, embora os jogadores estejam dispostos a correr um risco calculado para retomar suas carreiras esportivas, uma vez que as regras de distanciamento social não podem ser seguidas na maioria dos esportes, isso terá algum custo.

“Estamos preocupados que alguns órgãos esportivos estejam tentando colocar o risco econômico e legal de contrair a doença nos jogadores, e isso é algo que achamos que não deve ser tolerado”, disse.

Schwab acrescentou que, se os jogadores renunciarem a seus direitos, eles poderão ficar sem “proteção econômica e jurídica básica que deve acompanhar as lesões ou outras doenças no curso normal do trabalho”.

Ele disse que, ao participar de esportes de contato, os “próprios jogadores estão sendo convocados a fazer algo que é inerentemente arriscado e inerentemente contrário a todas as informações de saúde que estão sendo fornecidas”.

“A saúde e a segurança dos jogadores não devem ser negociáveis por causa da pressão econômica que o esporte está sofrendo no momento”, acrescentou.

Para Schwab, os testes generalizados são a chave para garantir que o esporte de elite possa ocorrer, mas os atletas não querem que ele seja realizado às custas do público em geral.

“Os jogadores estão deixando muito claro que não querem fazer um alto nível de testes se isso colocar em risco o esforço de saúde pública”, disse.

Competições esportivas que recomeçam antes, como o Campeonato Alemão de futebol, têm uma responsabilidade especial. “Acreditamos que aqueles esportes que querem tentar e começar primeiro, eles precisam estabelecer as melhores práticas”, afirmou.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below