for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Ex-campeão mundial de boxe Roberto Durán se recupera de Covid-19

Ex-boxeador Roberto Durán 06/05/2011 REUTERS/Steve Marcus

CIDADE DO PANAMÁ (Reuters) - O ex-campeão mundial de boxe Roberto “Mãos de Pedra” Durán recebeu alta de um hospital em meio a aplausos da equipe médica após se recuperar do coronavírus, mostrou postagem em mídia social do pugilista na quinta-feira.

“Foi uma luta de campeonato mundial, que eu consegui vencer em equipe, com apoio, cuidado e dedicação de uma equipe médica”, escreveu Durán no Instagram, ao lado de um vídeo no qual funcionários de uniforme e máscaras agitavam bandeiras panamenhas.

“Posso ser um ex-campeão mundial, mas todos vocês são os verdadeiros CAMPEÕES DA VIDA”, escreveu ele no post.

O ex-boxeador panamenho de 69 anos se aposentou em 2001 e é considerado um dos melhores pesos leves da história. Ele lutou por cinco décadas, conquistou quatro títulos mundiais diferentes, e seu retrospecto é de 103 vitórias, com 70 nocautes, e 16 derrotas.

Conhecido por seu poder agressivo, Durán, que cresceu no bairro pobre de El Chorrillo da Cidade do Panamá e conquistou seu primeiro título em 1972, é hoje considerado um herói nacional.

O Panamá registrou 35.237 infecções por coronavírus e 667 mortes.

Reportagem de Carlos Pacheco e Elida Moreno

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up