for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Jogos de Tóquio decidirão “contramedidas” da Covid-19 até final do ano, diz COI

Mulher com máscara de proteção em visita ao Museu Olímpico de Tóquio 22/07/2020 REUTERS/Issei Kato

SYDNEY (Reuters) - Os organizadores estão avançando com os preparativos da Olimpíada de Tóquio e decidirão até o final do ano quais “contramedidas” são necessárias para mantê-la em segurança na era da Covid-19, disse o vice-presidente do COI, John Coates, nesta terça-feira.

O australiano Coates chefia a Comissão de Coordenação do Comitê Olímpico Internacional (COI) para os Jogos de Tóquio, que foram adiados para 2021 por causa da pandemia.

Coates disse a repórteres em Sydney que os organizadores estão “lançando todos os recursos necessários” nos Jogos.

“Nossa decisão no momento é ir em frente”, afirmou Coates em um evento que marcou o 20º aniversário da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Sydney em 2000.

“O que estamos aguardando é decidir quais contramedidas precisamos tomar, dependendo em que estágio está a Covid.”

“A extensão das cerimônias, a extensão da participação do público, qualquer quarentena necessária quando chegarem ao Japão. Todas essas coisas. E quando chegarmos ao final do ano, faremos uma avaliação sobre quais contramedidas precisaremos aplicar”, completou.

Autoridades de Tóquio têm afirmado que pretendem realizar os Jogos em 2021, mesmo que a pandemia não tenha diminuído substancialmente.

Reportagem de Ian Ransom em Melbourne

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up