for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Serena desiste do Aberto da França por lesão no tendão de Aquiles

Tenista Serena Williams durante partida do Aberto da Austrália 22/01/2020 REUTERS/Edgar Su

PARIS (Reuters) - A busca de Serena Williams pelo 24º título de Grand Slam, que igualaria o recorde, se estenderá por mais um ano, depois que uma lesão no tendão de Aquiles a forçou a desistir do Aberto da França nesta quarta-feira.

A norte-americana, que completou 39 anos nesta semana, enfrentaria a búlgara Tsvetana Pironkova pela segunda rodada, mas após aquecimento decidiu que a contusão era muito grave.

Serena, tricampeã em Roland Garros, disse que poderá não jogar novamente este ano.

“Fiz um aquecimento e foi um aquecimento muito curto e então falei com meu treinador e perguntei ‘o que você acha?’”, ela disse.

“Eu estava com dificuldades para andar, o que é um sinal de que devo tentar me recuperar.”

Serena Williams sofreu o problema durante sua derrota nas semifinais do Aberto dos EUA para Victoria Azarenka e disse antes de sua campanha em Roland Garros que não estava 100% fisicamente, mas havia se recuperado o suficiente para jogar.

Reportagem de Martyn Herman

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up