for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Ederson ganha chance de Tite e será titular contra Venezuela

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Rivais no futebol inglês, os goleiros Ederson e Alisson disputam na seleção brasileira quem será o titular da equipe nas eliminatórias da Copa do Mundo, e goleiro do Manchester City terá uma chance na partida de sexta-feira contra a Venezuela.

Goleiros Ederson e Alisson, da seleção brasileira 24/06/2019 REUTERS/Diego Vara

Alisson, do Liverpool, vinha sendo o titular da seleção brasileira desde a Copa do Mundo de 2018, mas Tite decidiu dar uma oportunidade ao goleiro do City no jogo em São Paulo.

“O Alisson é um excelente goleiro e nós temos o Ederson que, nesse momento, passa por um grande momento físico e técnico”, disse o treinador em entrevista coletiva,

Sem poder contar com Neymar, Tite fará uma mudança tática no time para o jogo contra a Venezuela.

O atacante Richarlisson deve atuar mais centralizado, com Firmino mais solto. Firmino vinha jogando com falso 9 na seleção, ao lado de Neymar no ataque.

“Firmino vai ser um jogador mais livre, mais arco do que flecha, diferentemente do outro jogo, vai ser mais articulador”, avaliou o treinador.

O Brasil precisou cortar muitos jogadores por motivo de lesão para os jogos com Venezuela e Uruguai, sendo a mais recente baixa o lateral Gabriel Menino, que testou positivo para Covid-19.

“A pandemia não passou. Isso não é opinião, é fato. Nós temos que ter todos os cuidados em relação a isso”, disse Tite.

O Brasil lidera as eliminatórias para a Copa do Catar após vitórias sobre Bolívia e Peru nas duas primeiras rodadas.

A seleção entrará em campo contra os venezuelanos com a seguinte formação: Ederson, Danilo, Thiago Silva, Marquinhos e Renan Lodi; Allan, Douglas Luiz e Everton Ribeiro; Gabriel Jesus, Richarlisson e Firmino.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up