May 24, 2018 / 8:13 PM / 5 months ago

Marcelo pode ser determinante para os dois lados na final da Liga dos Campeões

KIEV (Reuters) - O brasileiro Marcelo, do Real Madrid, desempenhou um papel determinante no caminho do time à final da Liga dos Campeões e nos três triunfos anteriores da copa europeia, mas as fraquezas defensivas do lateral-esquerdo podem deixar sua equipe vulnerável ao feroz ataque do Liverpool no sábado.

Marcelo durante jogo do Real Madrid contra o Villarreal 19/5/2018 REUTERS/Heino Kalis

O lateral fez gol em todas as partidas da fase de mata-mata da competição deste ano, marcando o terceiro gol da vitória por 3 x 1 sobre o Paris Saint-Germain, que se tornou um ponto de mudança na temporada do Real. Ele também marcou na vitória por 3 x 0 sobre a Juventus na partida de ida das quartas de final.

    Marcelo mostrou o ponto negativo de seu estilo no confronto da semifinal com o Bayern de Munique, permitindo que Joshua Kimmich entrasse pelo flanco esquerdo e marcasse para o Bayern em ambas as partidas.

    Mas ele mostrou seus melhores atributos como um atacante na outra parte do campo, marcando belo gol de primeira para igualar o placar na vitória por 2 x 1 em Munique e dando um cruzamento espetacular para Karim Benzema empatar de cabeça em 2 x 2 na partida de volta.

Marcelo diz que seu jogador favorito na juventude era Roberto Carlos, lenda da seleção brasileira do Real Madrid, que ainda estava no clube quando ele se mudou para a capital espanhola em janeiro de 2007, aos 18 anos.

    “Eu me inspirei nele em campo. Roberto Carlos subia e descia a ala esquerda como um monstro. Se você me ama, ou me odeia, você sabe o que vai ter quando eu estou lá. Eu amo atacar”, disse Marcelo ao site The Players Tribune.

    “E então depois, na defesa? Se nós tivermos um problema, vamos consertá-lo. Vamos resolver. Mas primeiro nós atacamos”, acrescentou o jogador de 30 anos, que marcou o terceiro gol do Real na vitória por 4 x 1 sobre o Atlético de Madri na final de 2014.

É a abordagem aventureira de Marcelo, que foi exposta contra o Bayern de Munique, que pode dar ao Liverpool alguma esperança em Kiev, em uma final em que o time espanhol é favorito para levantar seu terceiro troféu consecutivo da Liga dos Campeões, o quarto em cinco temporadas.

    O técnico do Liverpool, Juergen Klopp, no entanto, disse que isto não é tão simples.

    “Parece óbvio: ‘Marcelo, que jogador ofensivo, mas... ele não sabe defender’. Eles venceram a Liga dos Campeões duas vezes, eles estão novamente na final. Eles são experientes da cabeça aos pés. Não há fraqueza”, disse Klopp ao Daily Mirror.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below