for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Chile se junta a Argentina, Uruguai e Paraguai em candidatura para sediar Copa do Mundo

Torcedor do Chile antes de amistoso da seleção do país contra Honduras 20/11/2018 REUTERS/Juan Gonzalez

BUENOS AIRES (Reuters) - O Chile se juntou a três vizinhos sul-americanos em uma candidatura para sediar a Copa do Mundo de 2030, de acordo com comunicado conjunto dos governos desses países divulgado na quinta-feira.

A candidatura, que anteriormente incluía Argentina, Paraguai e Uruguai, tem como concorrentes a Inglaterra e uma proposta conjunta de Marrocos, Argélia e Tunísia.

O Mundial de 2030 marcará o centenário da Copa do Mundo. A primeira edição foi realizada no Uruguai em 1930.

Reportagem de Nicolás Misculín

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up