for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Holanda vence Suécia na prorrogação e chega pela 1ª vez à final da Copa feminina

Jackie Groenen (D) comemora gol que deu à Holanda a vitória sobre a Suécia e a vaga na final da Copa do Mundo de futebol feminino 03/07/2019 REUTERS/Benoit Tessier

LYON, França (Reuters) - Uma finalização de longa distância de Jackie Groenen levou a Holanda à sua primeira final da história na Copa do Mundo de futebol feminino, garantindo uma vitória por 1 x 0 sobre a Suécia na prorrogação em semifinal disputada nesta quarta-feira.

A meio-campista, de 24 anos, marcou aos nove minutos da etapa inicial da prorrogação, quando dominou um passe desviado fora da área e chutou com precisão, no canto inferior direito da meta, para colocar as holandesas na final, que será disputada no domingo contra os Estados Unidos.

Esta foi a primeira vez na história em que uma semifinal da Copa do Mundo feminina foi para a prorrogação. As melhores chances do tempo normal ocorreram no início da segunda etapa, quando a defensora sueca Nilla Fischer e a atacante holandesa Vivianne Miedema pararam na trave.

O decisivo gol de Groenen, seu primeiro no torneio, garantiu as campeãs europeias na final apenas em sua segunda participação na Copa do Mundo, enquanto a seleção dos EUA, atual campeã mundial, buscará seu tetracampeonato.

Por Christian Radnedge

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up