for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Torcedores pedirão indenização por ausência de Cristiano Ronaldo em jogo da Juventus em Seul

Cristiano Ronaldo, da Juventus 19/09/2018 REUTERS/Heino Kalis

SEUL (Reuters) - Torcedores de futebol da Coreia do Sul recorreram aos tribunais em busca de indenização pelo fato de o atacante Cristiano Ronaldo ter se ausentado de um amistoso durante a turnê de pré-temporada da Juventus em Seul na semana passada.

Ronaldo havia sido contratado para jogar ao menos 45 minutos contra o K League All Stars, segundo a empresa organizadora do evento, The Fasta Inc, mas acabou não participando do jogo ocorrido em um estádio lotado.

Uma comunidade virtual se formou no portal sul-coreano Naver para protestar contra a ausência de Ronaldo, e dois membros procuraram o advogado Kim Min-ki para entrarem com uma ação civil contra os organizadores da partida.

“Muitos compraram ingressos para ver Ronaldo. A The Fasta divulgou que a empresa tinha um acordo com a Juventus que estipulava que Ronaldo jogaria ao menos 45 minutos e que Ronaldo iria a um evento de assinatura de autógrafos com torcedores”, disse Kim à Reuters.

Telefonemas da Reuters à The Fasta não tiveram resposta, e dirigentes da Juventus não responderam de imediato a pedidos de comentário.

A ação civil pede uma indenização de 70 mil wons (59 dólares) por ingresso, 1 mil wons pela taxa de comissão de ingressos e 1 milhão de wons (847 dólares) para cada torcedor pela “angústia mental”.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up