September 13, 2019 / 5:05 PM / 2 months ago

Argentina chega à final do Mundial de Basquete com show de Scola

Luis Scola comemora vitória da Argentina sobre a França no Mundial de Basquete 13/09/2019 REUTERS/Kim Kyung-Hoon

PEQUIM (Reuters) - O ala-pivô Luis Scola marcou 28 pontos e pegou 13 rebotes para liderar a Argentina em uma vitória tranquila por 80 a 66 sobre a França, que garantiu ao time sul-americano uma vaga na final do Campeonato Mundial de Basquete, nesta sexta-feira.

Os franceses transformaram o torneio em uma incógnita ao derrotarem os favoritos Estados Unidos nas quartas de final, mas não brilharam na semi, quando o pivô Rudy Gobert teve dificuldades e os arremessos de 3 pontos insistiram em não entrar.

Frank Ntilikina liderou os franceses com seus 16 pontos, e Louis Labeyrie colaborou com mais oito depois de sair do banco, mas o time deixou espaços abertos com muita frequência para o agressivo ataque argentino.

Scola aproveitou ao máximo esses lapsos defensivos, fazendo 10 pontos no primeiro quarto e convertendo três de quatro tiros de três pontos e nove de 10 lances livres durante o jogo, uma atuação ofensiva impressionante que fez dele o maior pontuador da noite.

Facundo Campazzo fez mais uma cesta de três pontos e deu sete pontos de vantagem à Argentina no intervalo, e apesar de o reserva Labeyrie ter brilhado na primeira metade do jogo e mantido os franceses vivos, o time perdia por dois dígitos na metade do terceiro período.

A atuação de Gobert foi resumida por uma tentativa de enterrada no terceiro quarto que teria diminuído a defasagem para oito pontos, mas em que a bola ricocheteou na parte de trás do aro e frustrou a reação da França.

A defesa argentina sufocante limitou as oportunidades de Gobert e obrigou os rivais a uma sucessão de tiros de três pontos, mas eles só converteram sete das 31 bolas de longa distância.

Liderada pelos esforços enérgicos de Scola, a Argentina venceu o jogo e agora disputará sua primeira decisão do Mundial de Basquete desde 2002 contra uma Espanha que derrotou a Austrália por 95 a 88 em um confronto emocionante com dupla prorrogação mais cedo nesta sexta-feira.

Por Philip O'Connor

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below