for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Expulsão por tosse? Federação inglesa emite diretrizes aos árbitros

Eddie Nketiah do Arsenal é expulso em jogo contra o Leicester 07/07/2020 Adam Davy/Pool via REUTERS

(Reuters) - Jogadores que tossem deliberadamente em adversários ou árbitros podem receber cartões vermelhos ou amarelos, de acordo com as novas diretrizes da Federação Inglesa de Futebol (FA) em meio à pandemia de Covid-19.

As instruções para os árbitros entrarão em vigor imediatamente e serão aplicadas em todos os níveis do esporte.

O documento da FA para os árbitros informou que ações devem ser tomadas quando “o árbitro tiver certeza de que alguém deliberadamente, e de perto, tossiu na cara de um oponente ou autoridade da partida...”

O texto acrescenta que a ação se enquadra na categoria “uso de linguagem e/ou gestos ofensivos ou abusivos”.

“Se o incidente não foi grave o suficiente para merecer uma expulsão, uma advertência pode ser dada por ‘comportamento antidesportivo - mostra de falta de respeito pelo esporte’”.

O documento acrescenta ainda que os árbitros não devem procurar punir a tosse “rotineira” e devem lembrar os jogadores para evitar cuspir no chão, embora não seja um ato de má conduta.

Reportagem de Shrivathsa Sridhar em Bengaluru

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up