for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Trump defende disputa do futebol americano universitário, apesar da Covid-19

Presidente dos EUA, Donald Trump, lança moeda antes de partida de futebol americano universitário na Filadélfia 08/12/2018 REUTERS/Jim Young

(Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pediu às universidades dos EUA que sigam com a temporada de futebol americano em meio a relatos na segunda-feira de que poderia ser cancelada devido a preocupações com o surto de Covid-19.

“Os alunos-atletas têm trabalhado muito para que sua temporada seja cancelada. #WeWantToPlay (Queremos jogar)”, escreveu Trump no Twitter.

Em outro tuíte, ele afirmou: “Jogue futebol americano universitário!”

Seus comentários foram feitos em um retuíte de uma postagem do quarterback da Clemson University Trevor Lawrence, um dos jogadores de maior destaque que tem falado nas redes sociais sobre seu desejo de jogar.

Os tuítes de Trump ocorrem após vários relatos de que as conferências “Power Five” dos esportes universitários dos EUA, compostas dos principais programas de futebol do país, se reuniram para discutir a viabilidade de uma temporada em 2020.

“Ele gostaria muito de ver o futebol universitário sendo retomado com segurança”, disse a porta-voz da Casa Branca Kayleigh McEnany a repórteres em uma coletiva quando questionada sobre o tuíte de Trump.

“Muitos desses atletas universitários ... trabalham suas vidas inteiras para este momento, e ele gostaria que eles pudessem viver seus sonhos.”

Um estudo conduzido este ano pela Washington University em St. Louis para a ESPN informou que as 65 escolas que compõem o “Power Five” perderiam coletivamente mais de 4 bilhões de dólares em receitas do futebol americano se a temporada fosse cancelada.

Por Frank Pingue em Toronto; Reportagem adicional de Jeff Mason e Susan Heavey

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up