11 de Agosto de 2008 / às 11:19 / em 9 anos

Tyson Gay vibra por conversa com Kobe Bryant na Olimpíada

PEQUIM (Reuters) - Ele é um campeão mundial de velocidade e está entre os favoritos ao ouro na Olimpíada de Pequim. Ainda assim, Tyson Gay se mostrou intimidado durante a troca de palavras que teve Kobe Bryant, um dos astros do basquete norte-americano.

“Fiquei muito surpreso. A gente estava na academia e perguntei se podia tirar uma foto com ele”, disse Gay, campeão dos 100m, dos 200m e no 4x100m no Mundial de Osaka, em 2007.

“Ele respondeu: ‘como está sua perna? Você está em meu coração. Espero que dê tudo certo’. Eu enviei uma mensagem para a minha mãe e contei a ela. Ela ficou abismada”, disse o velocista a repórteres.

Bryant, armador do Los Angeles Lakers e um dos maiores jogadores da NBA, é o líder do time de basquete dos Estados Unidos, favorito ao ouro em Pequim.

Os Estados Unidos bateram a China por 101 a 70 no domingo, em um dos mais aguardados eventos da Olimpíada. Mesmo os torcedores chineses aplaudiam Bryant loucamente.

“Isso significa muito para mim”, disse Gay. “Ele é uma superestrela. Todos aqui amam o Bryant.”

Gay sofreu uma lesão no músculo da coxa durante o Campeonato Nacional de Atletismo dos Estados Unidos, mas se mantém como uma das forças nos 100 metros. Na cerimônia de abertura da Olimpíada, na sexta-feira, ele meio que ficou atrás de Bryant, enquanto os atletas se juntavam no Estádio Ninho de Pássaro.

“A multidão gritava ‘Ko-be! Ko-be!’ Eu queria ficar do lado dele para aparecer junto na TV”, disse Gay.

Reportagem de Mitch Phillips

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below