15 de Fevereiro de 2009 / às 21:14 / em 9 anos

Hamburgo bate o Bielefeld e é 3o da tabela

BERLIM (Reuters) - O Hamburgo SV subiu para a terceira colocação da liga alemã neste domingo depois de bater o decadente Arminia Bielefeld por 2 x 0 com um gol em cada etapa.

Dennis Eilhoff, goleiro do Bielefeld, calculou mal a cobrança de falta de Piotr Trochowski e espalmou a bola para dentro do próprio gol aos 32 minutos, enquanto o peruano Paolo Guerrero conferiu o segundo com um belo chute de esquerda aos 15 minutos do segundo tempo.

O Hertha Berlin bateu o campeão Bayern de Munique por 2 x 1no sábado e voltou ao topo da tabela pela primeira vez em mais de dois anos.

O Hertha tem 40 pontos, um a mais que o Hoffenheim, que está na frente do Hamburgo em diferença de gols e perdeu de 4 x 1 do Bayer Leverkusen em casa na sexta-feira. O Bayern de Munique está em quarto com 38 pontos.

O Bielefeld, na 14 colocação, ficou somente um ponto acima da zona de rebaixamento.

O Hamburgo, sem seu maior atacante Mladen Petric e o essencial defensor Bastian Reinhardt, colocou o atacante Ivica Olic no time passada sua suspensão.

Dono dos melhores resultados em casa nesta temporada, oito vitórias e um empate antes deste domingo, o Hamburgo buscou um gol rápido logo no início, mas o Bielefeld teve a melhor oportunidade quando Jonas Kamper acertou o travessão aos 25 minutos.

O Bielefeld desperdiçou uma chance de ouro para compensar a burrada de Eilhoff depois do intervalo, quando o goleiro do Hamburgo Frank Rost salvou o pênalti fraco de Wichniarek.

Os anfitriões fizeram seu segundo gol quando o desmarcado Guerrero mandou uma bela bola curva no canto superior esquerdo, seu segundo gol em duas semanas.

“Se você quer ter alguma chance contra grandes times como esses, tudo tem que dar certo, e hoje não deu para nós”, disse o técnico do Bielefeld, Michael Frontzeck, aos repórteres.

“Cometemos erros demais e não aproveitamos nossas chances de empatar.”

Ameaçado de rebaixamento, o Energie Cottbus teve que se contentar com um empate de 1 x 1 com o Borussia Dortmund, apesar de tomar a dianteira com Cagdas Atan aos 31 do primeiro tempo. O suíço Alexander Frei empatou rapidamente para os anfitriões com um pênalti bem cobrado sete minutos mais tarde.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below