24 de Janeiro de 2010 / às 19:01 / em 8 anos

Arsenal é eliminado da Copa da Inglaterra, Manchester City vence

Por Martyn Herman

LONDRES (Reuters) - O Arsenal se juntou a Manchester United e Liverpool no grupo de eliminados da Copa da Inglaterra, depois de Ricardo Fuller marcar duas vezes pelo Stoke City na vitória por 3 a 1 neste domingo.

Com gols dos brasileiros Robinho e Sylvinho, o Manchester City bateu o Scunthorpe United por 4 a 2 pela mesma competição.

O Arsenal não se recuperou do gol de Fuller, logo aos dois minutos de jogo, e apesar de ter empatado com gol com o brasileiro Denílson, não segurou o resultado.

“Era uma boa chance de conquistar um troféu e queríamos passar de fase, mas entregamos”, disse o técnico do Arsenal, Arsene Wenger, que fez oito mudanças em relação ao time que na quarta-feira venceu o Bolton pelo campeonato inglês.

O Stoke comemorou sua primeira vitória sobre o Arsenal na história da Copa da Inglaterra. Com três dos melhores times do país fora do torneio, se empolga com a possibilidade de avançar ainda mais.

O Chelsea, campeão da última edição do torneio, é o favorito que sobrou depois de bater o Preston North End por 2 a 0 no sábado.

O choque do Arsenal começou aos dois minutos de jogo com uma cobrança de lateral, que passou pela defesa e chegou a Fuller. Ele completou de cabeça para vencer Lucasz Fabianski.

O time de Londres empatou quando Cesc Fabregas rolou a bola em cobrança de falta para Denílson. O chute do brasileiro desviou e entrou pouco antes dos 30 minutos do primeiro tempo.

As estrelas Eduardo e Andrei Arshavin entraram no time no segundo tempo, mas a equipe da casa marcou de novo aos 13 minutos da etapa complementar, quando Mamady Sidibe avançou pela direita e cruzou para a cabeça de Fuller.

Dean Whitehead fez o terceiro do Stoke depois de um cruzamento rasteiro.

Melhor sorte teve o Manchester City, que na quarta-feira enfrenta o Manchester United pela semifinal da Copa da Liga Inglesa. O brasileiro Robinho marcou possivelmente seu último gol pelo clube contra o Scunthorpe, da segunda divisão, para selar a vitória por 4 a 2.

O time do técnico Roberto Mancini começou bem com um gol de Martin Petrov, mas Paul Hayes empatou pouco depois.

Nedum Onuoha colocou o City na frente e Sylvinho marcou de muito longe para ampliar. Um gol contra de Dedryck Boyata deixou a partida mais tensa até Robinho definir a partida no fim do jogo.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below