19 de Outubro de 2011 / às 19:04 / em 6 anos

Favorita ao ouro, Beltrame fica em 2o no remo do Pan

(Reuters) - A campeã mundial Fabiana Beltrame conquistou a primeira medalha do remo feminino brasileiro na história dos Jogos Pan-Americanos, nesta quarta-feira, ao terminar em segundo na final do single skiff feminino peso leve, mas lamentou não ter conseguido cumprir a expectativa da medalha de ouro.

Beltrame, que no mês passado conquistou o primeiro título mundial do remo brasileiro ao vencer a mesma prova na Eslovênia, foi superada pela norte-americana Jennifer Goldsack na prova realizada na Lagoa de Zapotlán, em Ciudad Guzmán, a 122 quilômetros de Guadalajara.

Beltrame marcou 7min55s42 e ficou seis segundos atrás de Goldsack. A medalha de bronze foi para Yaima Velazquez, de Cuba, com o tempo de 8min02s59.

“Fico meio engasgada com a perda da medalha de ouro, mas, por outro lado, fico feliz de ter participado de uma conquista inédita para o remo do país”, disse Beltrame, que no Mundial fez o tempo de 7min44s58, segundo o site do Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

“A Jennifer remou melhor do que eu. Simples assim”, acrescentou Fabiana, que conseguiu a primeira medalha de uma remorada do país em Pans após 41 medalhas conquistadas por homens na modalidade.

A prova de single skiff feminino não está no programa olímpico e Fabiana terá que escolher uma parceira para formar um barco no double skiff para a disputa dos Jogos de Londres.

Nas outras finais do dia, o Brasil terminou em sexto lugar nas provas de quatro sem masculino, four skiff feminino e oito com masculino.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below