20 de Outubro de 2011 / às 00:37 / em 6 anos

Com 10o ouro, Thiago Pereira é o maior medalhista do Brasil em Pans

(Reuters) - O nadador Thiago Pereira igualou o recorde de Hugo Hoyama de 10 medalhas de ouro conquistadas para o Brasil em Jogos Pan-Americanos ao ganhar a prova dos 200 metros medley nesta quarta-feira, em Guadalajara. No geral, o nadador soma 16 medalhas, contra 15 do mesa-tenista.

O brasileiro Thiago Pereira compete nos 200m medley em Guadalajara, prova em que conquistou sua 10a medalha de ouro em Jogos Pan-Americanos. REUTERS/Sergio Moraes

O brasileiro venceu a prova na qual é especialista com o tempo de 1min58seg07, superando o norte-americano Conor Dwyer (1min58seg64) e o também brasileiro Henrique Rodrigues (2min03seg41), medalhista de bronze.

“O tempo foi melhor do que eu esperava. No final da prova, precisei apertar o ritmo porque vi que o americano estava chegando”, disse Thiago Pereira, segundo o site do Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

No revezamento 4x200 metros livre, a equipe brasileira, com Thiago Pereira, conquistou a medalha de prata, ficando atrás dos Estados Unidos na prova. A Venezuela levou o bronze.

Com essas conquistas, Thiago Pereira já soma seis medalhas neste Pan -- quatro de ouro, uma de prata e uma de bronze.

O nadador de 25 anos, que no Pan do Rio de Janeiro, em 2007, conquistou o recorde de seis medalhas de ouro, levou o primeiro ouro do Brasil no México, nos 400m medley, e garantiu outra medalha dourada no revezamento 4x100m livre. Ele não nadou a final, mas esteve com a equipe brasileira nas eliminatórias.

Sua terceira medalha de ouro veio nos 100m costas, e ele também levou bronze na prova dos 200 metros peito.

No total, Thiago Pereira soma 16 medalhas após três Jogos Pan-Americanos (2003, 2007 e 2011) --10 de ouro, três de prata e três de bronze. O mesa-tenista Hoyama tem 15, sendo 10 de ouro, uma de prata e quatro de bronze.

O nadador, portanto, leva vantagem no ‘quadro de medalhas’ do Brasil em Pans.

Hoyama, que ainda disputa o torneio individual em Guadalajara, conquistou seu 10o ouro em Pans na segunda-feira ao vencer o tênis de mesa por equipes. O atleta de 42 anos, que foi o porta-bandeira do Brasil na cerimônia de abertura dos Jogos, ganhou sua primeira medalha de ouro no Pan de 1987, em Indianápolis.

Na somatória das medalhas, o ex-nadador Gustavo Borges é o que tem a maior quantidade, 19, sendo oito de ouro.

Texto de Tatiana Ramil em São Paulo

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below