27 de Abril de 2012 / às 18:13 / em 6 anos

Ministro do Esporte vai encontrar Blatter e Valcke na Suíça

Por Ana Flor

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, fala no Comitê de Educação, Cultura e Esporte, 10 de abril de 2012. Rebelo confirmou à Reuters que irá se reunir com o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, no início de maio, na Suíça. REUTERS/Ueslei Marcelino

BRASÍLIA, 27 Abr (Reuters) - O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, confirmou à Reuters que irá se reunir com o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, no início de maio, na Suíça.

O encontro deve selar a paz entre o governo brasileiro e o interlocutor da entidade após o mal-estar causado pela declaração de Valcke de que o Brasil precisava de um “chute no traseiro” para acelerar os preparativos para a Copa do Mundo.

Rebelo esclareceu que vai à Zurique a convite do presidente da Fifa, Joseph Blatter, e que na viagem também se reunirá com Valcke.

“Nós temos uma Copa para organizar e nossa parceria é com a Fifa”, disse Rebelo à Reuters nesta sexta-feira.

Depois da declaração feita por Valcke no início de março, o governo brasileiro chegou a anunciar que não negociaria mais com o secretário-geral da Fifa.

Blatter veio ao Brasil para se reunir com Rebelo e com a presidente Dilma Rousseff para tentar apaziguar a situação. Fonte do Planalto afirmou à época que o governo pediu a Blatter que Valcke fosse afastado do acompanhamento dos preparativos da Copa.

Os senadores também se irritaram com a declaração de Valcke -que depois disse que sua frase foi mal interpretada e enviou uma carta pedindo desculpas ao Brasil- e cancelaram uma audiência pública na Casa em que o interlocutor da Fifa representaria Blatter.

A partir do encontro com Aldo, a Fifa espera que as viagens de Valcke ao Brasil para vistoriar obras do evento de 2014 sejam normalizadas.

O encontro de Rebelo com Valcke, segundo fonte do governo, foi negociado pelo governador da Bahia, Jacques Wagner, que se reuniu com o secretário-geral da Fifa e o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e do Comitê Organizador Local da Copa (COL), José Maria Marin, há pouco mais de duas semanas, na Suíça.

Salvador é uma das 12 cidades-sede do Mundial e, ao lado de Recife, ainda pode ser incluída também na Copa das Confederações de 2013. Técnicos da Fifa e do Comitê Organizador Local da Copa vistoriaram as obras nos estádios das duas cidades nesta semana.

O anúncio sobre a inclusão ou não das cidades será feito até junho pela Fifa. Belo Horizonte, Fortaleza, Brasília e Rio de Janeiro são as sedes já confirmadas da Copa das Confederações.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below